Sabia que o Antonov 124 já voou até com foguetes espaciais e um submarino?

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Antonov AN-124 Salvador Bahia Airport

Recentemente, você acompanhou aqui no AEROIN alguns dos interessantes transportes feitos a bordo dos enormes Antonov AN-124 Ruslan, o maior modelo de avião cargueiro comercial produzido em série no mundo.

Com sua capacidade de até 150 toneladas de carga, ele não se diferenciaria tanto do maior cargueiro atualmente em produção, o Boeing 747-8F, que pode levar até 132,6 toneladas segundo suas especificações de projeto.

Porém, o Ruslan se destaca, por exemplo, por ter uma estrutura reforçada para levar todo o peso concentrado em uma única peça, característica para a qual os demais aviões comerciais não foram projetados, além de ter dimensões internas amplas, possibilitando acomodar cargas de maiores dimensões do que os outros jatos.

Assim, vimos o grande cargueiro soviético embarcar um satélite da Airbus, grandes maquinários de mineração, trens elétricos alemães, veículos de bombeiros e até um longo barco britânico de competições de alta velocidade.

Diante das curiosas cargas transportadas recentemente, trazemos hoje mais dois exemplos do que o Antonov AN-124 já foi capaz de levar por todos os lados do planeta.

Submarino

O primeiro deles, seguindo a sugestão de um leitor, é o embarque de um submarino. Se muitas pessoas já haviam achado inusitado ver um barco “voando”, sem dúvidas o transporte aéreo de um veículo subaquático é ainda mais excêntrico.

Avião Antonov AN-124 Embarca DSRV-1 Mystic
Imagem: US Navy / Domínio Público

Avião Antonov AN-124 Embarca DSRV-1 Mystic
Imagem: US Navy / Domínio Público

O fato se deu em 2004, quando o DSRV 1 (Deep Submergence Rescue Vehicle, ou Veículo de Resgate de Submergência Profunda) da Marinha dos Estados Unidos (US Navy), chamado de Mystic, foi enviado até a República da Coreia para uma atividade de treinamento e aperfeiçoamento de técnicas conjuntas de resgate subaquático, conforme as imagens acima.

Foguetes

O segundo transporte curioso feito com os Antonov 124 é o embarque de foguetes espaciais. Neste caso, não se trata de um caso esporádico, mas sim de algo que se repete com uma certa frequência.

Os longos primeiros estágios dos foguetes, utilizados para enviar satélites e naves espaciais para fora da atmosfera terrestre, às vezes são produzidos em locais distantes da base de lançamento. Assim, eles são transportados a bordo do grande avião cargueiro para que sua preparação para a partida seja finalizada na base.

Avião Antonov AN-124 Embarca Foguete NASA
Imagem: NASA/Kim Shiflett

Em maio deste ano, por exemplo, a NASA mostrou o desembarque do foguete que lançaria o rover Perseverance para sua missão até o solo de Marte. Ele foi levado por um AN-124 até a famosa base de Cabo Canaveral, na Flórida, conforme a imagem acima.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

British Airways recebe sugestão de mudar de nome após apoiar time...

0
Um post aparentemente inocente do time de mídias sociais da British Airways deu o que falar e gerou uma enorme discussão no Twitter