Antonov declara ser falsa a notícia sobre planos para fabricar aviões no Canadá

Antonov AN-74 – Imagem: Oleg V. Belyakov / CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

A Antonov Company, empresa ucraniana conhecida por ter fabricado, entre outros modelos, os grandes cargueiros AN-124 Ruslan e o maior avião do mundo AN-225 Mriya, vem a público nesta quarta-feira, 14 de julho, para desmentir informações publicadas por um portal canadense e replicadas por diversos outros pelo mundo.

Segundo o portal Le Devoir, a Antonov teria planos de começar a fabricar um de seus modelos cargueiros no Canadá, tendo já criado uma subsidiária no país denominada Antonov Aircraft Canada, cuja sede está localizada no centro de Montreal.

Citando que a empresa ucraniana teria criado a subsidiária “sem alarde”, o site afirma que Desmond Burke, diretor da Gold Leaf Aviation, uma empresa de Ontário que representa os interesses de Antonov no Canadá, disse que “Há um documento que foi proposto entre os dois governos nesta fase”.

O conteúdo deste documento, se aceito, “enquadraria as discussões dos dois governos” para que a Antonov pudesse eventualmente fabricar em Quebec. “Esta é a peça do quebra-cabeça que falta” para que o projeto de modernização do modelo AN-74 avance na província, diz Desmond Burke.

Apesar das informações, entretanto, a Antonov utilizou-se de seu perfil oficial no Twitter para fazer um apelo para que a notícia não seja replicada, por se tratar de algo que não é verdadeiro.

Conforme a publicação da ucraniana acima reproduzida, ela alerta: “A Antonov Campany declara que a informação publicada no jornal Le Devoir no artigo “Gigante ucraniana Antonov quer pousar no Quebec” não é verdadeira. Nós gentilmente pedimos que os meios de comunicação de massa não compartilhem essa informação.”

Pelas mídias sociais, diversas discussões já ocorrem sobre o assunto, com pessoas supondo que a declaração da Antonov seria apenas uma tentativa de evitar a divulgação de seus planos. Qual sua opinião?

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias