Antonov anuncia série de voos entre China e EUA, incluindo uso do gigante AN-225

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

A Antonov, fabricante e operadora ucraniana dos maiores cargueiros do mundo em capacidade de carga, anunciou nessa quarta-feira, dia 22 de abril, que está iniciando uma série de voos entre a China e os Estados Unidos.

Antonov AN-124 AN-225
Fotomontagem com os dois maiores cargueiros do mundo – Imagem: Antonov

Em publicação em suas páginas nas redes sociais, a companhia informa que desde a quarta-feira começou operações de transporte de suprimentos médicos relacionados à pandemia do coronavírus.

Diferentes destinos dos EUA receberão os voos que partirão da China, incluindo cidades como Orlando, Houston, Washington e Los Angeles.

Serão utilizados, a princípio, os aviões AN-124 Ruslan, modelo este que é o segundo maior do mundo em capacidade de volume e peso de carga. Depois, em maio, está planejado que o AN-225 Mriya, o maior do mundo, se junte às operações.

Avião Antonov AN-124 Ruslan
Antonov AN-124 – Imagem: Dmitry A. Mottl [CC]

Avião Antonov An-225
Antonov AN-225, o maior do mundo

No momento da publicação dessa matéria, um dos jatos da Antonov Airlines está em voo rumo a Anchorage, nos Estados Unidos, porém partindo do Japão, e não da China. Você pode acompanhá-lo em tempo real através deste link enquanto ele estiver em voo, até seu pouso por volta das 14:00 (horário de Brasília) dessa quinta-feira (23).

Confira nas matérias abaixo mais informações e curiosidades sobre os gigantes da Antonov, incluindo voos com câmeras a bordo do maior do mundo.

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

ITA Airways confirma a compra de 28 aviões de vários modelos...

0
Além disso, a companhia aérea continuará seus planos de arrendar o modelo A350 para complementar a modernização de sua frota.