Início Empresas Aéreas Agora são apenas 2 Airbus A380 para o fim dos gigantes da...

Agora são apenas 2 Airbus A380 para o fim dos gigantes da Lufthansa em Frankfurt

Nesta quarta-feira, 5 de maio de 2021, reduziu-se para apenas 2 o número de gigantes aviões de dois andares A380 da Lufthansa ainda mantidos em seu hub no Aeroporto Internacional de Frankfurt, na Alemanha.

A aeronave, que estava até hoje junto às outras duas, partiu de Frankfurt nesta manhã para agora fazer companhia aos outros 9 Airbus A380 que a companhia aérea alemã já enviou para estocagem de longo prazo em Teruel, na Espanha. O envio anterior havia ocorrido em 16 de abril.

O avião em questão foi o registrado sob a matrícula D-AIML e batizado de “Hamburg”. Ele foi fabricado em dezembro de 2013 e entregue à Lufthansa em maio de 2014, portanto, tem cerca de 7 anos desde a entrada em operações comerciais.

A companhia aérea anunciou logo cedo em seu Twitter sobre a partida do jato com destino à Espanha, e algum tempo depois o RadarBox registrou o movimento do voo de número LH-9921, que durou pouco menos de 2 horas até o pouso.

O voo de hoje do A380 rumo a Teruel – Imagem: RadarBox

Até a publicação desta matéria, ainda não havia vídeos na internet mostrando a partida do gigante, porém, as fotos abaixo, de Thomas Boon, já mostram que o piloto executou o chamado “wing wave”, ou seja, o balanço de asas para um lado e para o outro, simbolizando um “tchauzinho” de despedida.

Caso sejam divulgados vídeos desta decolagem com balanço de asas, atualizaremos esta matéria com as gravações, portanto, fique de olho por aqui. A partida anterior, em 16 de abril, também teve o balanço de asas, e você pode rever o vídeo clicando aqui.

Com a despedida do D-AIML, agora restam em Frankfurt apenas os A380 da Lufthansa com matrículas D-AIMH e D-AIMM. Eles não devem demorar a também partir para a região desértica de Teruel na Espanha, pois a companhia já havia anunciado que estocaria todos eles, e tem enviado um a um aproximadamente a cada 20 dias.

Como citado acima, agora são dez unidades do A380 da empresa alemã estocados em Teruel, e ainda existem outros dois que foram enviados a Tarbes, na França. A Lufthansa não tem planos de curto prazo para voltar a usar o gigante, e considera até mesmo nunca mais utilizá-los, a depender do ritmo de retomada da aviação após a pandemia.

Sair da versão mobile