Apertado pelos policiais, homem excreta quase 2 kg de cocaína em pleno aeroporto

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Fotos: Lagos Airport

Uma mula do tráfico de drogas que viajava de Lagos, na Nigéria, para Madri, na Espanha, foi preso no Aeroporto Internacional Murtala Muhammed portando uma quantidade impressionante de droga em seu corpo. No final, ele excretou incríveis 113 embalagens de cocaína pesando um total de 1.750 kg, com um valor de mais de US$ 1,5 milhão.

Segundo o portal nigeriano Guardian, o homem foi preso no dia de Páscoa quando estava prestes a embarcar no voo TK-626 da Turkish Airline, por volta das 20h. Seu objetivo era embarcar no voo para Istambul e depois pegar uma conexão para Madri.

Ele foi levado sob custódia por agentes da Polícia do aeroporto de Lagos e posteriormente colocado em observação nas instalações da delegacia antidrogas. O homem, que mora na Espanha, acabou colocando para fora todos os pacotes em um total de cinco excreções. As investigações revelaram que ele ingeriu a droga ilícita em um hotel na área de Igando, em Lagos.

Falando sobre o incidente, o Comandante da Polícia no aeroporto de Lagos, Ahmadu Garba, disse: “o sujeito excretou 39 pacotes pesando 600 gramas às 9h58 em 5 de abril; 13 pesando 200 gramas às 18h30 do mesmo dia; 16 pesando 250 gramas às 22h30 do mesmo dia; e 32 pesando 500 gramas às 7h30 do dia 6 de abril”.

O chefe da polícia antidrogas, General Buba Marwa, elogiou os oficiais por não permitirem que elementos criminosos aproveitassem o feriado da Páscoa para promover seu comércio ilícito e prejudicar a imagem da Nigéria no exterior.

Ele disse: “Todos devemos permanecer comprometidos com a ação ostensiva em curso nos aeroportos, portos, fronteiras terrestres, nas ruas das cidades nigerianas e nas várias farmácias e até mesmo nas florestas onde alguns se escondem para cultivar e processar a droga. Devemos interromper seu comércio ilícito e desmantelar seus cartéis”.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Imobiliária leva a melhor sobre fábrica de cuecas por compra de...

0
A empresa aérea sul-coreana Eastar Jet deverá ser vendida para a imobiliária Sungjeong (SJ), informou o parceiro CH-Aviation.