Início Acidentes e Incidentes Após 30 minutos em voo, Airbus vira de volta a Manaus devido...

Após 30 minutos em voo, Airbus vira de volta a Manaus devido a vibração no motor

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Uma aeronave da Azul Linhas Aéreas Brasileiras precisou retornar ao aeroporto que havia decolado, no dia 4 de abril, após sua tripulação identificar problemas de vibração no motor.

A situação ocorreu no voo de número AD-4383, operado pelo A320neo registrado sob a matrícula PR-YRI, um serviço regular que partiu do Aeroporto Internacional de Manaus, no Amazonas, para o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, interior de São Paulo.

De acordo com dados publicados pelo CENIPA (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), o voo, que levava 175 passageiros e 6 tripulantes, decolou de Manaus sem nenhuma intercorrência, porém, ainda na fase de subida, os pilotos do A320 receberam indicações de ‘Eng Vibration Engine #2‘ (vibração no motor direito), um CFM International LEAP-X.

Na sequência, já mantendo o FL300 (nível de voo de cerca de 30.000 pés), os pilotos realizaram os procedimentos padrão, realizando uma órbita de espera para consultar e trabalhar nos manuais e checklist relacionados ao problema de vibração no motor. Dados da plataforma RadarBox abaixo mostram a órbita de espera.

O A320neo começando seu retorno a Manaus – Imagem: RadarBox

Sem sucesso em resolver a vibração no motor através dos procedimentos, os pilotos decidiram retornar para o Aeroporto Internacional de Manaus, cerca de 30 minutos após sua partida, realizando um pouso seguro sem intercorrências após uma hora desde a decolagem.

Ainda segundo dados do RadarBox, a aeronave ficou no solo por 14 horas e depois voou para o Aeroporto Internacional de Viracopos, principal base de manutenção da Azul, no voo de translado de número AD-9351.

Leia mais sobre os últimos incidentes nacionais publicados aqui no AEROIN:

Sair da versão mobile