Após 4h de voo, piloto sente o corpo esquentar e vira B777 de volta à origem

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 777-300ER KLM
Boeing 777-300ER da KLM – Imagem: 湯小沅 / CC0, via Wikimedia Commons

Um piloto de Boeing 777 demonstrou ser bastante precavido quanto à Covid-19 ao decidir virar para voltar ao aeroporto de origem após mais de 4 horas de voo.

Segundo dados do The Aviation Herald, o fato se deu no último domingo, 17 de janeiro, a bordo do Boeing 777-300ER registrado sob a matrícula PH-BVR, operado pela companhia aérea holandesa KLM.

Os tripulantes, apenas os 2 pilotos, estavam realizando o voo de carga de número KL-895 de Amsterdã, na Holanda, para Seul, na Coreia do Sul. O jato mantinha o nível de voo FL350 (35 mil pés de altitude) sobre a Rússia após cerca de 4 horas e 20 minutos desde a decolagem quando eles optaram por iniciar o retorno a Amsterdã.

A decisão pela volta ocorreu depois que o comandante sentiu que sua temperatura corporal estava subindo.

O momento em que o Boeing 777 inciava o retorno – Imagem: FlightRadar24

A aeronave pousou em segurança em Amsterdã cerca de 9 horas após a partida, e posteriormente a companhia aérea informou que a tripulação voltou a Amsterdã por precaução em vista do Coronavírus. Até o momento, não foi divulgada atualização sobre a condição de saúde do piloto.

A aeronave permaneceu no solo por 14 horas até decolar novamente com novos pilotos, resultando em um atraso de cerca de 24 horas em relação ao horário padrão do voo.

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Empresa aérea BoA comunica redução de voos ao Brasil

0
Os voos da companhia aérea hoje são cumpridos com frequência diária entre Santa Cruz de La Sierra e Guarulhos.