Início Empresas Aéreas Após falhas na manutenção dos aviões, aérea suspensa retoma operações

Após falhas na manutenção dos aviões, aérea suspensa retoma operações

ATR 42-500
ATR 42 Air Antilles – Imagem: Maxime, CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

A Air Antilles Express anunciou o regresso da normalidade das suas operações, após ter sido suspensa há poucos dias pela autoridade aeronáutica francesa, por falhas nos processos de manutenção das suas aeronaves.

No último dia 27 de agosto, a Air Antilles teve que deixar todas as suas aeronaves no solo e suspender suas operações por decisão da Direction Générale de l’Aviation Civile (DGAC), que constatou deficiências nos procedimentos de manutenção de onze de suas aeronaves.

No relatório enviado à Air Antilles, a DGAC assegurou que “desde o início de 2021, observamos 8 não conformidades importantes, relativas às frotas ATR e Twin, que mostram que o seu sistema de gestão não permite controlar o cumprimento dos procedimentos necessários para garantir a aeronavegabilidade dessas frotas de aeronaves e adequação dos procedimentos”.

Porém, conforme relata nosso parceiro Aviacionline, a empresa francesa que opera no Caribe a partir de suas bases em Guadalupe e Martinica rapidamente iniciou um processo de revisão de seu programa de manutenção, com o objetivo de reverter a decisão da DGAC o mais rápido possível.

As novas auditorias efetuadas pela autoridade aeronáutica francesa não revelaram deficiências em relação ao cumprimento da regulamentação e da manutenção da frota. Segundo comunicado oficial da empresa, “as respostas da nossa empresa à DGAC, relativamente à evolução dos procedimentos aplicados no nosso departamento de aeronavegabilidade, foram consideradas de acordo com a regulamentação em vigor”. 

O texto publicado pela companhia destacou ainda que “a empresa sempre se esforçou para trabalhar no estrito cumprimento das normas e com o mais alto nível de segurança para os nossos passageiros”.

A Air Antilles Express fornece conexões para grande parte das comunidades da região das Antilhas francesas, que foram bastante afetadas pela interrupção de seus serviços, muitas vezes feitos apenas por ela. Os destinos atualmente operados pela empresa são: Barbados, Guadalupe, Martinica, São Martinho, São Bartolomeu, Santa Lúcia, Dominica, Guiana Francesa, Santo Domingo, Punta Cana, Porto Rico, Porto Príncipe e Miami.

Leia mais:

Sair da versão mobile