Após meses no deserto, chega ao Brasil o primeiro dos dois A321 repatriados pela Latam

Um dos dois Airbus A321 que a Latam vai trazer de volta ao Brasil, após terem ficado quase um ano no deserto da Califórnia, já começou seu trajeto de “volta à casa”, confirmando a informação que demos, com exclusividade, na semana passada. Dados do FlightRadar24, mostram que o jato de matrícula PT-XPM voou ontem do México para Boa Vista com o número de voo JJ-9541.

É esperado que a aeronave siga até o Rio de Janeiro, onde será renacionalizada após inspeção da ANAC.

Os jatos que estão voltando têm as matrículas PT-XPM (msn 6949) e PT-XPN (msn 7005). São novos, fabricados em 2016 e com poucos ciclos, tendo ainda um bom tempo de uso pela frente. Foram encomendados e recebidos ainda com a pintura da TAM e ainda não haviam sido repintados na libré da Latam quando voou para os EUA.

Imagem: Flightradar24

Outra informação nova é que, apesar de terem sido comprados diretamente pela Latam, hoje as aeronaves estão registradas em nome da locadora Sierra Echo, com sede na Irlanda, o que indica que a empresa latina os repassou e agora os está alugando.

Em julho de 2020, ambos foram levados para o deserto da Califórnia, mais precisamente em Victorville, onde foram armazenados no clima seco, que conserva melhor os componentes e fluidos da aeronave. Por sua vez, na semana passada, os dois foram registrados na Cidade do México, onde possivelmente passam/passaram por uma manutenção, antes de voarem de volta ao Brasil.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias