Após problemas com o SSJ100, Mexicana Interjet é ressarcida em $39 milhões

A operadora mexicana Interjet recebeu US$ 39,6 milhões de dólares em compensação pelos custos de manutenção de sua frota Sukhoi Superjet 100, depois que a companhia aérea foi forçada a tirar de operação pelo menos quatro SSJ100s no ano passado.

Avião Sukhoi Superjet SSJ 100 Interjet




A companhia diz que o valor, registrado em seus resultados financeiros do segundo trimestre, é uma estimativa de recuperação contratual dos custos relacionados à manutenção de seus SSJ100s.

A Interjet registrou despesas, relacionadas à manutenção, de US$ 35,2 milhões no segundo trimestre, como parte das despesas operacionais gerais que subiram 21% no período, para US$ 338 milhões, tendo a compensação ajudado nas despesas.

Um relatório da Bloomberg no início deste ano afirma que a Interjet havia tirado de operação quatro SSJ100s, e estava canibalizando as peças das aeronaves para manter sua frota remanescente SSJ100 em serviço.

A Superjet International, em seguida, minimizou isso, com seu vice-presidente comercial, Stewart Cordner, dizendo à FlightGlobal em janeiro que “O empréstimo temporário de peças não é um canibalismo”.

Veja também: Voamos no Sukhoi Superjet 100!

 
Informações do Flight Global.
 

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.