Após quase 100 anos de parceria, KLM se despede do seu último Fokker

Os últimos seis voos da KLM operados com aeronaves Fokker partiram neste sábado (28). O último voo decolou de Londres para Amsterdã, refazendo a primeira rota quando a KLM operou o seu primeiro voo com a aeronave Fokker II em 30 de setembro de 1920. De lá para cá se passaram 97 anos e muita história entre a companhia aérea mais antiga do mundo e uma das fabricantes mais antigas do mundo.




As empresas cresceram juntas e alguns consideram que são praticamente irmãs. Anthony Fokker foi o criador desta empresa, e o conhecido Holândes Voador recebeu uma homenagem no Fokker 70 que realizou o último voo pela KLM, como mostramos meses atrás. O último voo foi recebido com uma grande festa em Amsterdã, incluindo táxi em conjunto com outros Fokkers 70, escolta da segurança aeroportuária, batismo e festa para convidados.


O Presidente e CEO da KLM, Pieter Elbers, declarou que a data “marca o fim da uma era. Depois de 97 anos, a parceria entre a KLM e a Fokker termina. Nós fomos pioneiros juntamente e escrevemos a história da aviação mundial. Nós honramos todos que contribuíram para essa parceria. Agora a KLM Cityhopper irá voar com uma frota de Embraer E175 e E190, oferecendo mais assentos, mais conforto, velocidades maiores e economia maior.”

Foi inaugurado um monumento em homenagem à parceria histórica. Na placa colocada embaixo do estabilizador vertical original de um Fokker 70, está escrito: “Esse monumento foi construído em honra a todos os funcionários da KLM, Fokker e KLM Cityhopper, que trabalharam com esses super aviões holandeses de 1920 até 2017, voando com eles através do globo e fazendo história.”

Pela Assessoria de Imprensa da KLM.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

Airbus entrega o 2000º avião da família A320neo

0
A companhia aérea indiana IngiGo, maior operadoras de jatos A320neo no mundo, recebeu a entrega da 2.000ª aeronave da família da Airbus