As rotas mais conectadas pela LATAM em seu hub de Guarulhos

ESPECIAL
A LATAM, maior aérea da América Latina, tem uma grande rede de voos e conecta o continente, mas quão conectivo é o seu hub em Guarulhos?

LATAM
Boeing 777 da LATAM pousa no GRU Airport

Um balanço inédito feito pela Anna Aero com dados da OAG mostra quais pares de voos tem maior número de passageiros conectando entre si.

Para ter uma noção de melhor do assunto temos que entender o sistema de HUB: o chamado hub é um centro de conexões sejam de voos, cabos de dados ou qualquer coisa que envolva logística, não apenas aérea.

A vantagem deste modelo (que é o padrão no mundo inteiro) é poder viabilizar o transporte de passageiros em rotas que não seriam viáveis com voos diretos.

Um exemplo é a rota Foz do Iguaçu – Manaus, que apesar do intenso tráfico de negócios e cargas, a sua distância eleva o custo operacional que não justifica um voo direto na demanda atual.

Latin America no nome

No caso da LATAM ela concentra seus voos com destino/saída de São Paulo, principalmente do Aeroporto de Guarulhos – GRU, que é o seu maior hub com 7,2 milhões passageiros conectados em 2018, não entra nesta conta passageiros que terminaram sua viagem na capital paulista.

Destas sete milhões de pessoas conectadas, 3 mi eram através de voos domésticos. Já passageiros do Mercosul (brasileiros, argentinos, chilenos, paraguaios e uruguaios) chegaram a 70% do total de viajantes conectados em GRU.

Mas as conexões para fora do continente americano também são expressivas: 1,4 milhões de passageiros fizeram o caminho de ida e volta conectando pelo hub em GRU da LATAM no último ano.

O principal destino não poderia ser outro: Itália! Os italianos e seus descendentes já são parte da sociedade brasileira, assim como a fé católica brasileira ajuda a aumentar este número.

A LATAM inclusive chegou a operar tanto para Milão quanto para Roma, mas cancelou as operações para esta última cidade em outubro passado devido à concorrência forte com Alitalia, já consolidada na rota chegando a ter dois voos diários.

O TOP 20

Neste balanço a Anna separou os dados das 20 rotas com mais passageiros conectados pelo hub de GRU da LATAM entre setembro de 2018 e o mesmo mês deste ano.

A cidade brasileira que mais aparece é Salvador com cinco rotas: a capital baiana é um dos destinos praianos favoritos dos cidadãos do Mercosul.

Mas acima da capital baiana está Buenos Aires aparecendo seis vezes e Santiago do Chile empatado com Salvador com cinco posições no TOP 20.

E falando na capital hermana, o tráfego entre os melhores países sul-americanos de futebol é tão grande quanto a sua rivalidade: só na LATAM foram transportados 600 mil passageiros entre Brasil e Argentina em 12 meses.

Naturalmente a rota que lidera o ranking é entre os dois países: Buenos Aires – Natal com mais de 87 mil passageiros em 12 meses pela LATAM. Sem mais delongas veja a lista completa do TOP20:

Israel também conecta

Uma das mais recentes rotas abertas pela LATAM é para Tel Aviv a partir de Guarulhos. Por ser apenas três vezes por semana, acaba não tendo um grande volume de passageiros, mas no seu TOP 5 de conexões traz alguns destinos interessantes.

Vale lembrar que Santiago não entra nessa conta, já que os voos da rota, o LA712/713 inicia e termina na capital chilena, sendo São Paulo apenas uma escala.

Os passageiros deste voo conectam mais para Buenos Aires, Montevidéu, Rio de Janeiro, Brasília e Porto Alegre, respectivamente da maior para menor.

Concorrência bate à porta

Dos 20 maiores voos, 9 são atendidos pelas concorrentes com voos diretos, o que pode ser um inibidor para a abertura de um voo direto. Veja a lista:

  • Buenos Aires – Natal com a GOL
  • Salvador – Santiago com a JetSmart e SKY Airline
  • Porto Alegre – Salvador com a GOL
  • Buenos Aires – Salvador com a Aerolíneas Argentinas e GOL ²
  • Florianópolis – Santiago do Chile com a SKY
  • Rio Galeão – Santiago com a SKY ¹
  • Belo Horizonte – Curitiba com a Azul
  • Rio Galeão – Porto Alegre com a GOL
  • Buenos Aires – Barcelona com a LEVEL da Iberia

¹ Voo direto operado regularmente pela LATAM
² A LATAM opera estas rotas na alta temporada apenas e/ou de maneira pontual

Vale lembrar que a LATAM ao longo dos últimos anos tem preterido o Aeroporto do Galeão perante ao do Santos Dumont, que conta com voos diretos da companhia para Porto Alegre.

Levantamentos como esses além de mostrarem o poder do modelo de hub, permite a companhia aérea analisar quais conexões devem ser otimizadas e qual podem virar voos diretos.

Uma das provas do potencial de conexões para viabilizar voos sem escalas é a rota Santiago – Curitiba, hoje com 58 mil passageiros/ano conectados por Guarulhos e que a partir de 2020 devem contar com voos diretos pela companhia. E você, já se conectou pelo hub da latina em GRU?

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.