Após aumentar voos ao Brasil, FedEx espera pico de demanda neste fim de ano

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 767-300F FedEx
Imagem: Divulgação FedEx

A FedEx Express, maior empresa de transporte expresso do mundo, preparou suas operações para atender ao período conhecido como ‘peak season’, que é provocado pela alta nas vendas do varejo devido, principalmente, à Black Friday e às datas comemorativas de final de ano.

Para 2020, a companhia espera um movimento ainda mais intenso em comparação aos anos anteriores. 

A FedEx Express está realizando diversas adaptações em suas operações doméstica e internacional para atender à demanda. Uma delas é a contratação de cerca de 800 funcionários temporários para as funções de motorista, operador e conferente de carga. A empresa também estendeu sua agenda de entregas para os finais de semana e intensificou o número de rotas diretas entre várias localidades do País.

“Tradicionalmente, o final de ano é um período de grande movimentação nas nossas operações domésticas e internacionais. Neste ano, devido à mudança na experiência de consumo provocada pela pandemia, esperamos, além de um alto volume de entregas, maior presença de pacotes de e-commerce passando por nossa rede”, destaca Luiz Roberto Vasconcelos, vice-presidente de operações da FedEx Express.

De acordo com o executivo, “a empresa também observou, desde o início da pandemia, um aumento constante no volume de carga B2C em relação a 2019”. (Obs.: B2C é a entrega da mercadoria de forma direta da empresa para o cliente, sem intermediários)

Para o serviço internacional, a companhia aumentou a frequência dos voos semanais com seus Boeings 767-300F entre Viracopos (SP) e seu hub global em Memphis (EUA). Essa é a segunda vez que a empresa acrescenta um sexto voo de ida e volta nesta rota, com viagens de segunda-feira a sábado, após muitos anos com menor quantidade de voos.

Avião Boeing 767-300F FedEx
Boeing 767-300F pousando em Viracopos

Além de atender ao atual aumento do comércio exterior, a medida visa apoiar os envios essenciais para combater a Covid-19.

“Mesmo com todos os investimentos para atender a alta demanda, é importante que os consumidores comprem com antecedência. Estamos esperando um período de pico sem precedentes, sendo assim, é provável que existam dias nos quais o setor inteiro esteja operando com sua capacidade máxima”, diz Vasconcelos.

Informações da FedEx

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Comandante de Boeing publica livro com poesias inéditas de mulheres pilotos

0
Pauwels é piloto-instrutora de Boeing 787 e deve estrear seu novo livro em 27 de outubro. A obra apresenta poemas curtos de 58 pilotos