Avianca retira de serviço seu último Embraer E190

Após quase 11 anos da sua entrada em serviço pela TACA, o Embraer E190 deixou a companhia aérea, hoje parte da Avianca Holdings.

No último domingo dia 30 de junho foram encerradas as operações com os jatos Embraer como parte do programa de readequação de frota da Avianca Holdings que inclui a desistência do A319neo da Airbus.

A aeronave de matrícula N988TA decolou de San Pedro Sula para San Salvador cumprindo o voo AV537, realizando o último voo comercial de um Embraer pela companhia latina.

A expectativa é repassar as dez aeronaves E190 para outras aéreas interessadas, com exceção de dois jatos que já eram sub-arrendamento da Aeroméxico Connect.

Porém não será uma tarefa fácil: a dispobinilidade hoje de E190 no mercado é alta dado a renovação de frota da Azul Linhas Aéreas, que conta com dezenas de E-Jets da Embraer e se prepara para uma transição para a nova geração E2 juntamente com jatos Airbus A320neo para rotas mais densas.

A readequação de frota é movida pela redução nas encomendas junto à Airbus. Não existem planos para um substituto direto do E190, as suas rotas já estão sendo operadas por jatos A319 e A320.

Com informações do portal Transponder 1200

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos