Avianca Argentina recebe 1º Airbus e prepara-se para voar a São Paulo

A Avianca continua seu plano de expansão na América Latina, agora na ponte aérea mais movimentada do continente: São Paulo – Buenos Aires. E para isso já recebeu seu primeiro Airbus.




Avião Airbus A320 Avianca Argentina

A companhia, que é subsidiária da Avianca Brasil, é fruto da compra da Avián pelo grupo Synergy dos irmãos Efromovich. Apesar de ainda pequena e operando voos charters, já se consolida no mercado regional com o turboélice ATR 72-600.

E hoje recebeu o primeiro Airbus A320, de matrícula LV-HVS, anteriormente PR-ONY na Avianca Brasil. A aeronave fabricada em 2014 foi transladada das instalações da DIGEX (parte do grupo Synergy) em São José dos Campos-SP para Montevídeu no Uruguai.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por Paulo Martínez (@paulo.aero) em

Amanhã o A320 segue para o Aeroparque em Buenos Aires para a cerimônia de entrega nas instalações da Avianca Argentina. A próxima aeronave a ser recebida pela filial argentina será o PR-ONZ, que já se encontra na DIGEX.

Os dois aviões irão operar a rota Buenos Aires (Ezeiza) – São Paulo (GRU) ainda este ano segundo o presidente da Avianca Holdings, Gérman Efromovich. Atualmente, devido à grande presença de companhias não argentinas na ponte aérea mais movimentada da América Latina, o governo argentino permite que apenas empresas nacionais entrem na rota.

ATR da Avianca no Aeroparque

Hoje são quase 4 mil assentos ofertados por dia por LATAM Argentina e Brasil, GOL, Ethiopian, Turkish, Qatar e Aerolíneas. Por este motivo a Azul não opera voos para a Argentina partindo de seu hub em Viracopos, que mesmo sendo em Campinas atende majoritariamente ao público da capital paulista.

Ainda não existe uma data definida para o início das rotas, mas é esperado que a mesma ocorra em dezembro, a tempo para a alta temporada. O voo será operado por tripulação totalmente argentina e será integrado à malha doméstica e internacional da Avianca.

Mas ainda há um porém na conexão doméstica na Argentina, já que o Aeroparque não pode mais receber voos internacionais, e a base da Avianca Argentina é no aeroporto central de Buenos Aires, ligando a capital a Reconquista, Santa Fé e Rosário. Portanto, não está certo se a Avianca irá comercializar passagens do Brasil com conexão para as cidades do interior argentino.

Avianca: nova divisão no México e fusão da divisão brasileira com a colombiana

Avianca Argentina receberá dois A320 para voos a São Paulo neste ano