Avião Antonov AN-124 junta-se à missão de combate à pandemia ao levar milhões de itens

Neste sábado, 21 de março, pouco antes da meia-noite, uma grande aeronave ucraniana An-124 Ruslan juntou-se à missão de combate à pandemia, pousando no aeroporto de Pardubice, na República Tcheca.

O Antonov AN-124 ao chegar na República Tcheca

A bordo do gigante, o segundo maior cargueiro do mundo em capacidade de transporte, estavam cinco milhões de máscaras, dois milhões de respiradores, 120.000 roupas de proteção, 80.000 óculos de proteção e dezenas de milhares de testes de coronavírus levados a partir de Shenzhen, na China.

Interior Antonov AN-124 Caixas Máscaras Coronavírus
O interior do grande cargueiro sendo preenchido

Interior Antonov AN-124 Caixas Máscaras Coronavírus

O voo custou 35 milhões de coroas, ou cerca de 7 milhões de reais. Segundo o ministro da Saúde da República Tcheca, Adam Vojtěch, esse é um dos maiores transportes de material médico da história do país. Outros voos com cargas semelhantes devem pousar mais duas vezes, na terça e na sexta-feira.

Da China, a aeronave de matrícula UR-82008 esteve no ar por 7 horas e 37 minutos no voo de número ADB5362, até uma parada de reabastecimento em Karachi, no Paquistão.

FlightRadar24 Voo Antonov AN-124 Paquistão Máscaras
A primeira etapa do voo, até o Paquistão – Imagem: FlightRadar24

Após a escala técnica, o AN-124 decolou para a perna final até a República Tcheca, em mais 8 horas e 13 minutos de voo, pousando às 23:31 (horário local) do sábado.

FlightRadar24 Voo Antonov AN-124 República Tcheca Máscaras
A segunda etapa do AN-124 até o destino – Imagem: FlightRadar24

As máscaras e respiradores da China não permanecerão no armazém do aeroporto por muito tempo. “Eles serão distribuídos imediatamente pela brigada de incêndio”, disse Martin Netolický, governador da região de Pardubice. Os bombeiros irão alocar 35 carros e 75 pessoas para a distribuição.

“Estamos finalmente chegando ao ponto em que um número relativamente grande de respiradores e máscaras está entrando na República Tcheca. Podemos equipar os profissionais de saúde, mas também a população”, afirmou Roman Prymula.

O número de casos confirmados de coronavírus na República Tcheca atingiu 995 no sábado, com 106 novos casos registrados naquele dia.

Além do AN-124 participando dos transportes, a fabricante ucraniana Antonov também utilizou o irmão maior, o AN-225, para uma ação de conscientização sobre o combate à disseminação da pandemia. Confira a seguir:

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias