Avião Boeing 737 faz pouso no mar, na costa do Havaí; pilotos são resgatados

Transair Boeing 737-200F; N306AL@OGG;16.08.2019

Uma aeronave de carga do modelo Boeing 737-200, com dois pilotos a bordo, fez um pouso de emergência no oceano na costa do Havaí, na manhã, próximo da cidade de Honolulu, informou a FAA nesta sexta-feira, 2 de julho.

“Os pilotos relataram problemas no motor e estavam tentando retornar a Honolulu quando foram forçados a pousar a aeronave na água”, disse a Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA) em um comunicado. “De acordo com informações preliminares, a Guarda Costeira dos EUA resgatou os dois tripulantes”, completou.

O avião de matrícula N810TA era operado pela Rhodes Express e fazia o voo T4-810 de Honolulu para Kahului. Segundo dados da plataforma de rastreamento RadarBox, a decolagem aconteceu pela pista 08R, quando a tripulação parou a subida a cerca de 2.000 pés, relatando haviam perdido um motor.

Ao declarar emergência, o controlador de tráfego liberou a aeronave para pousar em qualquer pista. Os pilotos tentaram retornar ao aeroporto, mas, diante da impossibilidade, acabaram realizando uma amerissagem a cerca de 3,5 quilômetros da costa havaiana.

O NTSB abriu uma investigação sobre o acidente. Ainda não há informações sobre a causa.

Em seu site na internet, a empresa diz que é certificadas pela Federal Aviation Administration e que que fornece serviços de carga aérea em todo o estado do Havaí desde 1982.

“Nossa premiada combinação de equipe verdadeiramente comprometida e experiente, juntamente com eficiência e simplicidade do processo operacional, nos permite oferecer excelência incomparável de serviço aos nossos valiosos clientes em cada etapa do caminho”, diz a empresa.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias