Avião que voou para a Coca-Cola e levou a taça da Copa de 2014 fará seu voo de despedida

Foto de Dtom, CC BY-SA 3.0, via Wikimedia

A Danish Air Transport (DAT), companhia aérea dinamarquesa com sede em Copenhague, anunciou que está promovendo um voo de despedida para seu clássico McDonnell Douglas MD-83, o ‘Mad Dog’, no próximo dia 16 de outubro. O evento foi anunciado na página da companhia aérea no Facebook.

Na ocasião, a aeronave, de matrícula OY-RUE (msn 49936), será pilotada pelo CEO da companhia aérea, Jesper Rungholm, em uma excursão surpresa de 90 minutos. Os bilhetes para o evento custam cerca de 270 euros e incluem cartão de segurança, camiseta comemorativa e snacks durante o voo.

Esta também será uma das últimas oportunidades de voar o “Mad Dog” na Europa, lembra o site parceiro Aviacionline. Segundo dados do Planespotters, os demais operadores da família MD-80 no Velho Continente são ALK Airlines e European Air Charter, da Bulgária, AMAC Aerospace, da Suíça, e Bravo Airways, da Ucrânia.

O OY-RUE, em particular, se tornou uma aeronave muito popular entre os entusiastas da aviação em todo o mundo quando foi fretado pela Coca-Cola e FIFA para levar a taça da Copa do Mundo de 2014, ostentando títulos comemorativos. Até hoje, o jato usa as cores básicas daquele evento, embora as logomarcas já tenham sido retiradas há um tempo.

Esse avião tem 30 anos de história, tendo sido originalmente entregue à empresa britânica Airtours International Airways em novembro de 1990. Ao longo dos anos, voou pela Sunways da Turquia, AOM French Airlines, Spanair e Medallion, antes de ser entregue à DAT em janeiro de 2010.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias