Novo avião russo MC-21, rival do B737 e A320, sofre incidente em ensaio de decolagem

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Um dos protótipos de ensaios em voo para certificação do novo modelo de avião narrowbody Irkut MC-21, projetado e construído pela russa United Aircraft Corporation (UAC), sofreu um incidente na data de ontem, 18 de janeiro, durante um dos testes que fazia.

Imagens da aeronave após o pouso, conforme o vídeo acima, mostram que o jato registrado como 73051, o protótipo nº 001, acabou atolado em uma espessa camada de neve quando os pilotos não foram capazes de manter o MC-21 na área pavimentada da pista.

O incidente de saída de pista, no inglês ‘runway excursion’, aconteceu pela manhã no Aeroporto Internacional Zhukovsky, a 36 quilômetros da capital russa Moscou.

Aeroporto Internacional Zhukovsky
Aeroporto Internacional Zhukovsky – Imagem: FlightRadar24 / Google Maps

Segundo reportou a UAC, o problema aconteceu durante uma simulação de falha de um dos motores em momento de decolagem. Em comunicado, a fabricante declarou o seguinte:

“O MC-21-300 saiu da pista durante a decolagem rejeitada com falha do motor simulada e o uso do sistema de frenagem de emergência durante o ensaio de voo. A tripulação não se feriu. Nenhum dano visível foi encontrado. Nenhuma falha de sistema foi registrada. As causas do incidente estão sendo investigados.”

Segundo reportou da mídia local do país, um porta-voz do aeroporto informou que as operações não foram afetadas apesar do incidente. Dados do FlightRadar24 mostram que Zhukovsky recebe apenas de 1 a 2 voos por dia, portanto, deve ter sido possível remover o MC-21 da posição antes do horário de chegada ou partida da próxima aeronave.

O MC-21-300 já tem 5 protótipos efetuando ensaios em voo, tendo o mais recente deles, o nº 005 registrado como 73051, tornado-se o primeiro a voar com os novos motores russos PD-14, ao decolar no último dia 15 de dezembro. A outra opção de motor do modelo é o PW1400G da canadense Pratt & Whitney.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias