Aviões da FAB com os resgatados de Wuhan já estão chegando ao Brasil

Os dois aviões Embraer 190, designados VC-2 na Força Aérea Brasileira (FAB), já estão chegando ao Brasil entre a noite desse sábado (08) e a manhã do domingo (09) com os brasileiros resgatados da China, isolados por conta dos casos de coronavírus.

FAB Embraer 190 VC-2
Embraer 190 VC-2 da Força Aérea Brasileira

Os brasileiros que estavam em Wuhan embarcaram nos aviões da FAB no tarde dessa sexta-feira, 7 de fevereiro, e decolaram em sua jornada de volta ao país natal, com quatro pousos intermediários para reabastecimento antes da chegada à Base Aérea de Anápolis.

FAB Rota Retorno Wuhan Anápolis Embraer VC-2
A rota de retorno dos dois jatos – Imagem: FAB

Todos passaram por uma checagem final de temperatura corporal e outros sintomas do coronavírus antes de terem os passaportes liberados e embarcarem nas aeronaves. De acordo com o Ministério da Defesa, o voo de volta ao Brasil deve durar 26 horas, sem contar com os tempos das paradas nos pousos técnicos.

Segundo dados do RadarBox, na última posição das aeronaves, registrada por volta 13:55 (horário de Brasília) desse sábado, os jatos estavam sobre a Espanha, dirigindo-se para sua última parada internacional em Las Palmas, no litoral da África.

RadarBox Voo Resgate Wuhan Embraer 190 VC-2 FAB
Um dos VC-2 sobre a Espanha no início da tarde de hoje – Imagem: RadarBox

Não é possível determinar a posição exata no momento da publicação dessa matéria, pois as aeronaves não permanecem rastreáveis em certas áreas do globo terrestre. Pelo horário da última posição, é possível que os jatos estejam em solo prestes a decolar, ou já tenham decolado.

Após a parada nas ilhas espanholas, os dois Embraer 190 farão a última escala em Fortaleza e então decolarão para a Base Aérea em Goiás.

Todos, incluindo a tripulação, vão cumprir uma quarentena de 18 dias, pouco superior ao tempo de incubação do vírus, para descartar qualquer risco de propagação no Brasil.

A bordo de cada aeronave, há 11 tripulantes e 6 profissionais de saúde da Força Aérea Brasileira, além de um médico do Ministério da Saúde.

Entre os resgatados estão 34 brasileiros ou parentes de brasileiros repatriados, incluindo três diplomatas, que irão retornar para outra cidade da China após a quarentena. Os aviões também resgataram de Wuhan quatro poloneses, uma chinesa e uma indiana, que desembarcaram na escala na Polônia.

Caso alguém apresente sintomas comuns da doença, a pessoa será isolada e há previsão de transferência para o Hospital das Forças Armadas, em Brasília.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Latam e AeroMexico expandem parceria e terão voos conjuntos aos EUA

0
A AeroMexico e a Latam Airlines estão expandindo sua parceria de codeshare para cobrir os serviços operados pela companhia aérea mexicana