Aviões ficam sem poder pousar após bombeiros do aeroporto atenderem problema médico

Avião em órbitas ao não poder pousar no aeroporto – Imagem: RadarBox

Aviões ficaram temporariamente impedidos de pousar no Aeroporto de Manchester, na Inglaterra, na noite do domingo, 12 de setembro, depois de um incomum caso em que os bombeiros do local foram chamados para lidar com uma emergência médica, deixando a área operacional sem atendimento.

Algumas aeronaves foram vistas em padrões de espera em voo perto do aeroporto no sul de Manchester durante o evento fora do comum. Dois voos chegaram a ser desviados para aeroportos de outras partes do país.

Segundo reporta o The Independente, o aeroporto ficou fechado por 40 minutos quando os bombeiros foram chamados para lidar com a emergência médica dentro do Terminal 1 de passageiros.

Os bombeiros, que também têm formação médica, foram enviados para atender um homem que adoecera, enquanto os paramédicos estavam a caminho. No entanto, isso significou que o aeroporto teve de ser fechado por “motivos de segurança”, segundo disse o Aeroporto de Manchester em comunicado nesta segunda-feira.

Voo da Brussels que pôde esperar até a reabertura – Imagem: RadarBox

O serviço de ambulância que se encaminhou ao local informou que um homem de 60 anos foi levado ao hospital.

O fechamento começou às 21h05 e a reabertura se deu às 21h45. Um voo da Ryanair chegando de Ibiza e um serviço da British Airways de Londres-Heathrow foram os desviados. Ambos retornaram a Manchester mais tarde na noite de domingo.

O comunicado do aeroporto informa o seguinte:

“Por volta das 21h da noite de domingo, um passageiro no Terminal 1 sofreu uma emergência médica e foi atendido por bombeiros em serviço, que forneceram assistência urgente até que o incidente fosse entregue à ambulância do North West Ambulance Service.

“Como resultado do desvio desses oficiais de suas funções regulares, nosso campo de aviação foi fechado por aproximadamente 40 minutos por motivos de segurança.

“Entendemos que, como resultado, duas aeronaves que chegavam foram temporariamente desviadas para outros aeroportos, antes de finalmente chegarem a Manchester no final da noite de domingo.

“Pedimos desculpas aos passageiros por qualquer inconveniente causado.”

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Pelo fim do sexismo na aviação, FAA muda o significado do...

0
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || ).push({}); Já está valendo. Embora um NOTAM continue sendo uma informação para orientação dos aviadores, o...