Azul já cancelou 12 mil voos e deixou de voar para 46 cidades

Em entrevista ao SBT, o presidente da Azul, John Rodgerson, afirmou que a empresa já cancelou 12 mil voos e que deixou de voar para 46 aeroportos.

Estes cancelamentos representam apenas as duas últimas semanas da empresa que, segundo John, chega a operar quase mil voos em um dia e agora está na marca de 250 voos diários.

Segundo o executivo, hoje são apenas 76 cidades atendidas, mas alguns aeroportos já afirmam que não devem ter voo da Azul a partir do próximo mês, o que pode trazer esta lista para apenas 17 localidades.

A empresa já tem mais de 6 mil tripulantes em licenças não remuneradas que vão de um a seis meses, além de todos os gerentes, diretores e cargos de alto nível terem seus salários cortados em 50%, um movimento que teria gerado uma economia de R$ 200 milhões mensais para a empresa.

Ajuda do governo

Quando questionado pelo apresentador Fernando Rodrigues sobre uma possível ajuda do governo e as críticas em torno do tema, John foi enfático:

“No ano passado, pagamos R$ 2,5 bilhões de reais em impostos, contratamos 2.500 pessoas e pegamos aeronaves da Embraer. Então, olha a cadeia inteira, quantos taxistas, quantos hotéis, quantos restaurantes que estão sendo impactados pelo voo da Azul. Sei que a preocupação do governo é dinheiro agora, é para ajudar hospitais e tudo mais que precisa ser feito, mas nós precisamos ter empresas saudáveis para pagar essa conta, porque o dinheiro vem das empresas que estão pagando impostos”.

Além disso John cita que as empresas aéreas estrangeiras estão recebendo apoio do governo e que são competidoras da Azul, e que acaba resultando em uma competição injusta que, no futuro, pode resultar numa compra por empresas estrangeiras.

Veja abaixo a entrevista na íntegra feita no programa Poder Em Foco, uma parceria editorial do SBT com o portal Poder360:

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.

Comentários estão fechados.