Início Empresas Aéreas Azul estreia o 1º Embraer do mundo adaptado a cargueiro, veja vídeo...

Azul estreia o 1º Embraer do mundo adaptado a cargueiro, veja vídeo da decolagem

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

A Azul Linhas Aéreas estreou neste final de semana as operações comerciais de seu avião Embraer 195 adaptado para cargueiro, o primeiro no mundo a ter passado pelo processo de alteração de seu interior, que agora leva mais carga em sua cabine após a retirada da maior parte de seus assentos.

O vídeo que você viu acima, gravado pelo amigo Vitor Dias Lacerda, do canal Viracopos FullHD, mostra a primeira decolagem do jato, o E195 registrado sob a matrícula PR-AYO, em uma operação comercial. Ele decolou do aeroporto de Viracopos, principal hub da Azul, em Campinas (SP), durante a tarde do sábado (26) com destino a Teresina (PI).

Segundo dados do FlightRadar24, o voo de número AD-9910 decolou às 14h51 da pista 33 de Campinas e chegou à capital do Piauí às 17h35 (horários locais), após 2 horas e 44 minutos no ar.

FlightRadar24 Primeiro Voo Comercial E195 Azul Cargo
O E195 em sua primeira operação cargueira – Imagem: FlightRadar24

Avião Azul Cargo E195 Primeiro Voo Comercial
Imagem: Viracopos FullHD

Avião Azul Cargo E195 Primeiro Voo Comercial
Imagem: Viracopos FullHD

O retorno se deu pouco tempo depois, com decolagem às 19h09 no voo AD-9911 e pouso de volta em Viracopos às 21h59. Teresina tornou-se, assim, a terceira localidade a ver o E-Jet cargueiro, que havia sido adaptado na base da Azul na Pampulha, em Belo Horizonte (MG), e depois transladado para Viracopos.

O voo de translado, conforme mostramos no mês passado, ocorreu no dia 4 de agosto, e, desde então, a aeronave permanecia no novo hangar de manutenção da Azul em Campinas, aguardando os processos regulamentares de aprovação dessa adaptação para os voos comerciais.

O jato Embraer E195-E1 de matrícula PR-AYO anteriormente ostentava a pintura rosa na companhia e levava passageiros. Sua adaptação para cargas se deu em parceria entre a Azul e especialistas da Embraer.

Antes da pandemia do coronavírus, essa aeronave estava prevista para ser retirada da frota, já que os novos jatos E2 começaram a chegar, mas ele acabou ganhando uma sobrevida com a nova função.

Avião Embraer E195 Azul Rosa
O PR-AYO na pintura anterior

Agora que foi transformado em cargueiro, o PR-AYO ganhou o nome “Full Cargo”, conforme estampado em sua fuselagem, que também passou a ostentar a pintura da Azul Cargo, com o corpo todo branco e o mapa na cauda inteiramente na cor azul-claro.

Cerca de 70% dos seus assentos foram retirados e ele ainda tem, é claro, a capacidade do porão. O E-Jet junta-se agora aos dois Boeings 737-400F que a companhia adquiriu exclusivamente para operações da Azul Cargo.

Avião Embraer E195 PR-AYO Azul Cargo
O nome Full Cargo estampado na fuselagem abaixo do cockpit

Avião Boeing 737-400F Azul Cargo
Um dos dois Boeings 737-400F da Azul Cargo

Vale destacar que nesta crise da pandemia outras empresas também passaram a utilizar seus E-Jets para voos transportando exclusivamente cargas, porém, nenhum deles com essa adaptação de remoção da maior parte dos assentos. É o caso, por exemplo, da TAP Air Portugal e da filial uruguaia da Amaszonas.

Diante da necessidade das empresas aéreas por usar seus aviões de passageiros como cargueiros em meio à pandemia, e aproveitando o processo de adaptação do avião da Azul, a Embraer já se prontificou a lançar oficialmente o pacote de conversão dos E-Jets no final de julho.

Se quiser conhecer mais detalhes sobre essa solução da fabricante brasileira, você pode clicar aqui.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.