Azul recruta pessoas com deficiência para compor seu quadro de Tripulantes

Em busca de promover a inclusão em seu quadro de Tripulantes (como são chamados todos os seus funcionários), a Azul Linhas Aéreas está recrutando pessoas com deficiência para preencher vagas abertas em diversas áreas de atuação na companhia. A empresa dedicou algumas datas específicas para a realização de entrevistas presenciais, na sede da companhia, que acontecerão nos dias 29/05, 28/06, 26/07, 20/09 e 31/10 deste ano.




Para participar da seleção, o candidato precisa se cadastrar no site da companhia, com acesso neste link. Será necessário preencher o “Perfil” e depois cadastrar o currículo na íntegra, informando formação, objetivos profissionais e etc.

Os novos Tripulantes poderão atuar em áreas diversas, como agentes e auxiliares de aeroportos, atendimento ao Cliente (presencial e callcenter), administrativo, lojas de passagens, entre outros. O requisito básico necessário é ter o ensino médio completo .

Até o fim de 2018, a companhia pretende abrir mil vagas de emprego em todo o país. Neste número, estão incluídas as oportunidades para pessoas com deficiência.

“Queremos dar a chance para que essas pessoas consigam entrar no mercado de trabalho e crescer profissionalmente. Por isso, faremos uma força-tarefa para conhecer os candidatos, conversar melhor e entender de que forma podemos formar equipes dinâmicas e diversas. Estamos otimistas e acreditamos que essa etapa de seleção presencial pode render bons frutos” afirma Roberto Hobeika, diretor de Serviços ao Cliente e Recursos Humanos da Azul.

 
Informações pela Assessoria de Imprensa da Azul.
 

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.