Black Hawk da FAB realiza missão em apoio a 20 comunidades ribeirinhas

Militares do Quinto Esquadrão do Oitavo Grupo de Aviação (5º/8º GAV) – Esquadrão Pantera realizaram, durante o mês de junho, uma missão de integração nacional, juntamente com o Ministério da Defesa, Ministério da Saúde e Secretaria de Saúde do Estado do Acre (SESACRE).

H-60L Black Hawk da FAB junto à comunidade ribeirinha – Imagem: Força Aérea Brasileira

A bordo do helicóptero H-60L Black Hawk, mais de 20 comunidades ribeirinhas, em nove diferentes municípios, foram atendidas com a distribuição de vacinas. Quase três mil doses foram aplicadas, sendo mais de mil para o combate ao novo Coronavírus.

O homem de resgate do Esquadrão Pantera, Tenente Aviador Matheus da Rocha Machado, destacou a sinergia de todos para o cumprimento da missão.

“Voamos e vacinamos muito nessa Operação. O fator determinante para nosso número expressivo de vacinas foi o apoio de todos os envolvidos. Além da afinidade técnica, as explicações à comunidade sobre a importância da imunização marcaram esses felizes dias de troca de experiências no interior da selva acreana”, garante o Oficial.

Militar da FAB aplicando vacina – Imagem: Força Aérea Brasileira

Durante o período de pandemia, a procura pelas vacinas tornou-se intensa. Para o piloto da aeronave, Tenente Aviador Josué Marcos Coelho Gonçalves, os percalços da missão eram grandes, contudo, todos superados.

“Havia condições meteorológicas adversas na Amazônia, a distância das comunidades e o difícil acesso aos locais de pouso para deixar os vacinadores. Porém, nada disso nos impediu de, com toda a segurança, levarmos gotas e doses de esperança à população ribeirinha do Acre”, comenta.

Militar da FAB aplicando injeção – Imagem: Força Aérea Brasileira

A cada missão cumprida, a cada morador de comunidade vacinado, a emoção e a satisfação eram conquistadas. “Sinto-me feliz em promover a integração nacional por meio dos rotores do nosso helicóptero. Desde que entrei no Esquadrão, sonho em participar de missões como essa, na qual devolvemos algo à sociedade. Partindo da premissa que ‘a verdadeira alegria, crê-me, é coisa muito séria’, julgo-me feliz e agraciado por estar aqui”, afirma o Mecânico da Aeronave, Sargento Claudio Silva Junior.

Informações da Força Aérea Brasileira

Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias