Boeing 737-200 “Breguinha” fará voo especial para Belo Horizonte

Um dos clássicos jatos da aviação mundial, o Boeing 737-200, conhecido popularmente no Brasil como “Breguinha”, voltará a Belo Horizonte num voo especial.

YV-497T

O jato, contam as histórias de aeroporto, ganhou o apelido por causa da novela “Brega e Chique” de 1987, onde o “Chique” seria a geração mais nova na época: o 737-300. O apelido de “Chique” não pegou no 737-300 da geração Classic, mas o “Brega” teria pegado no 737-200 da série Originals. Essa é uma das histórias que se ouve por aí.

Por ironia do destino, o primeiro 737 do Brasil, que era do modelo -200, ficou muito tempo no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins. De matrícula PP-SMA, ele voou pela VASP até o fechamento desta e ficou abandonado por muitos anos num canto do aeroporto. Mais recentemente, sua sucata foi comprada por um novo empreendimento que incluirá shopping e gastronomia, que está se instalando em Lagoa Santa, cidade vizinha ao aeroporto.

A volta a BH

Nessa semana, porém, há previsão para a volta do “Breguinha” em voos “de verdade”, operados pela venezuelana Estelar. Serão dois voos (ida e volta) especiais neste mês, que sairão de Barquisimeto, na Venezuela e farão escala em Manaus, antes de chegarem em BH.

Trata-se de mais um fretamento de times para a disputa da Copa Libertadores. Nesse caso, para o Deportivo La Guaira, da Venezuela, que enfrentará o Atlético Mineora em BH no dia 25 de maio.

Segundo consta na ANAC, a previsão é que o Boeing 737-200 pouse em Manaus às 14h00 do dia 23 de maio, decolando para Confins às 15h00 e, finalmente, pousando na capital mineira às 19h25 locais.

O voo de volta para a Venezuela sairá de Confins à 1h00 da madrugada do dia 26, chegando em Manaus às 3h30. Da capital amazonense o Breguinha decola às 04h30 para Caracas, capital venezuelana. Todos os horários divulgados acima são locais.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias