Boeing 737 MAX 10 completa com êxito seu primeiro teste de táxi

Saiu do “ninho” na data de hoje o primeiro protótipo do Boeing 737 MAX 10, o maior 737 já construído pela fabricante americana. Após quase quatro meses desde sua construção, a aeronave fez hoje seu primeiro teste de taxiamento.

Renderização do MAX 10

Apesar da bateria de testes em solo estar avançando, a Boeing ainda espera ver o primeiro voo do 737 MAX 10 em mais alguns meses, após o meio do ano. Enquanto isso, a aeronave poderá ser vista desfilando pela fábrica da Boeing em Seattle, durante sua bateria de provas de motor, táxi e corridas de decolagem.

Apesar de parecer simples, um teste como este representa um ponto positivo tanto para a Boeing quanto para os clientes, pois apesar de todos os problemas na Boeing, o projeto segue avançando.

Um MAX popular

Inegavelmente, a família 737 continua sendo o carro-chefe da Boeing. Enquanto que 3.200 unidades do MAX 8 já foram vendidas, do MAX 10 já foram 550 aeronaves para 20 clientes. Todas ainda estão no backlog.

Tela do FR24 captura o primeiro taxiamento do MAX 10

Somente a GOL tem uma encomenda de cerca de 30 aeronaves do modelo, enquanto que a United será a maior operadora – por enquanto – com 100 na fila de espera. Os MAX 10 devem começar a chegar par a GOL em 2021.

Algumas características

O 737 MAX 10 é a maior aeronave da família MAX. Ele será equipado com os mais recentes motores CFM International LEAP-1B, contará com “winglets” de tecnologia avançada e um novo sistema de trem de pouso.

Por dentro, será equipado com o Boeing Sky Interior e outros recursos projetados para oferecer a melhor experiência de voo possível.

Com 43,8 metros de comprimento, o MAX 10 é quatro metros maior do que o MAX 8, que tem 39,52 metros. Todas as aeronaves da família MAX têm a mesma envergadura – 35,56 metros.

Sua capacidade é a maior da família, para até 230 passageiros, dependendo da configuração da cabine, embora seu alcance seja o menor dentre os quatro modelos do MAX, podendo voar até 6.110 quilômetros. Em comparação, o MAX 7, que é menor e mais leve, pode voar até 7.130 quilômetros.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Homem Laser Helicóptero Polícia Flórida

Homem detido após apontar laser para aeronave da polícia; ação foi...

0
O homem de 48 anos foi preso ao usar um apontador para atrapalhar e colocar em risco uma operação de aeronave.