Boeing 747 com mais de 600 peregrinos acidenta-se no pouso

Avião Boeing 747 Max Air
Boeing 747 da Max Air – Imagem: Aero Icarus

Um Boeing 747-400, que transportava fiéis de volta para casa após uma peregrinação anual na Arábia Saudita, acidentou-se hoje (07) pela manhã ao pousar em um aeroporto na Nigéria.

A aeronave, de matrícula 5N-DBK que você viu na imagem acima, estaria transportado mais de 600 passageiros quando derrapou ao pousar na pista do aeroporto internacional de Minna. Embora os 747 costumem levar menos passageiros, é possível configurá-los para até 660 assentos em classe econômica única.

Segundo a mídia local, os passageiros não se feriram, mas houve pânico. As pessoas correram deseperadas para longe do Boeing 747 operado pela Max Air.

Avião Boeing 747 Max Air peregrinos

O Jumbo havia decolado de Jeddah, na Arábia Saudita, de acordo com sites de rastreamento de voo.

Há relatos de que o avião sofreu uma falha técnica em um de seus quatro motores PW4056 durante a aproximação final ao aeroporto de Minna. Muitos detritos ficaram sobre a pista após o incidente, informou um jornal local.

Um funcionário do aeroporto disse que, se houvesse um incêndio, as consequências seriam catastróficas porque o aeroporto não possui seu próprio corpo de bombeiros.

Até o momento não foram divulgadas imagens da ocorrência. Incluiremos aqui as imagens caso venham à tona.

Informações pelo The Nation.

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.