Início Acidentes e Incidentes Boeing 777 faz pouso duro a ponto de danificar pneu e deixar...

Boeing 777 faz pouso duro a ponto de danificar pneu e deixar pedaço na pista

Boeing 777 da Air France durante pouso no Aeroporto Internacional de Guarulhos – Imagem ilustrativa

Um Boeing 777 da Air France acabou realizando um pouso duro em um aeroporto do México e, em seguida, outra aeronave que pousava reportou à torre que havia um objeto estranho em seu caminho de pouso.

A ocorrência aconteceu no último domingo, dia 4 de julho, no Aeroporto Internacional da Cidade do México. Segundo reporta o The Aviation Herald, a aeronave envolvida foi o Boeing 777-300 registrado sob a matrícula F-GSQI, que chegava no voo de número AF-178.

A aeronave decolou do Aeroporto Paris-Charles de Gaulle, na França, com destino à Cidade do México, e realizou um voo rotineiro sem intercorrências. Durante o pouso, entretanto, o Boeing 777 acabou tocando o solo da pista 23L com força excessiva, porém, nada de anormal foi reportado pelos pilotos ao controlador de tráfego aéreo. Eles mantiveram contato normal com a torre e seguiram para o pátio.

Em seguida ao pouso duro do Boeing 777, um Airbus A319 da United Airlines, registrado sob a matrícula N890UA e que chegava no voo UA-1090, comunicou à torre que um grande objeto, possivelmente um pedaço de pneu, estava sobre a pista, na zona de toque.

Conforme dados obtidos através da plataforma RadarBox, o Boeing 777 da Air France permaneceu em solo por três dias após o pouso duro. Após o período, a aeronave retornou às operações, realizando o voo AF-6700 para Paris, na França.

Abaixo, vale a pena relembrar outros casos de pousos duros que acabaram danificando aeronaves. Os casos vão desde gravações feitas por passageiros e prejuízos milionários, até um pouso duro que destruiu um DC-10 a ponto de desativar o gravador de dados de voo.

Sair da versão mobile