Início Acidentes e Incidentes Boeing 777 da KLM com a pintura especial laranja volta à base...

Boeing 777 da KLM com a pintura especial laranja volta à base após 1 mês e meio em pane

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 777-300ER Orange Pride Laranja KLM
O Boeing 777 PH-BVA – Imagem: Bram Steeman / CC BY-SA 2.0, via Wikimedia Commons

A saga chinesa do Boeing 777 de pintura especial da companhia aérea KLM finalmente chegou ao fim nesta segunda-feira, 15 de fevereiro, após 1 mês e meio resolvendo panes na China.

Como acompanhamos no início do ano, o jato registrado sob a matrícula PH-BVA, um Boeing 777-300ER, apresentou uma pane de motor após partir de Xangai, na China, com destino a Amsterdã, tendo então pousado em Pequim.

O jato ostenta a pintura nomeada pela companhia holandesa como “Orange Pride” desde que foi pintado em homenagem ao “Dia do Rei” na Holanda, em 2016.

Após o problema e o pouso realizado com segurança com apenas um motor funcionando, o “triplo-sete” passou cerca de 1 mês até a troca e os testes do novo motor esquerdo, instalado sob cuidados de uma empresa de manutenção local, já que os mecânicos da própria KLM ficariam impedidos, pelas regras holandesas da Covid-19, de voltarem a seu país caso passassem uma ou mais estadias na China.

Depois da troca do motor problemático, pilotos da companhia deslocaram-se até Pequim a bordo de outro Boeing 777 da KLM, para que pudessem desembarcar deste e imediatamente embarcar no Orange Pride, para levá-lo a Amsterdã sem a necessidade de uma estadia na China.

No início do movimento de solo, entretanto, o motor direito também apresentou pane, impedindo a partida da aeronave. Os pilotos voltaram ao jato que os havia levado a Pequim e retornaram nele para a Holanda.

Finalmente, nesta segunda-feira, após o reparo do motor direito e 1 mês e meio fora de operações comerciais, um novo Boeing 777 pousou em Pequim levando pilotos para buscar o PH-BVA.

Dessa vez tendo tudo corrido bem até a decolagem, a outra aeronave, de matrícula PH-BQN, decolou pouco depois e ambos os jatos chegaram a Amsterdã com cerca de 12 minutos de diferença, por volta das 6h00 da manhã do horário local (2h00 do horário de Brasília).

Os dois B777 da KLM voando para Amsterdã – Imagem: FlightRadar24