O Boeing 787 Dreamliner mais bonito do mundo perde sua pintura

Em agosto passado, emergiu da fábrica da Boeing um 787-9 mais do que especial por vários motivos. Um Boeing 787 Dreamliner com o design mais incrível feito na história. Mas a beleza durou pouco.

Pintura completa do Dreams Take Flight

O jato batizado de Dreams Take Flights iria originalmente para a Hong Kong Airlines, mas não foi entregue à companhia aérea, que passa por uma séria crise e pode ter suas operações suspensas no final dessa semana.

Sem nenhum dono, a Boeing, que também passa por sua pior crise, decidiu homenagear os funcionários que não desistiram da empresa nos momentos difíceis.

Para isso, colocou uma pintura lindíssima em degradê no Boeing 787-9 sobressalente. A pintura na verdade foi uma adesivagem, a maior já feita num avião Boeing e num avião de materiais compostos no mundo.

A pintura da aeronave foi uma homenagem ao trabalho do Fundo Comunitário dos Empregados da Boeing (ECF), que celebra os funcionários do fabricante da aeronave que contribuíram para a caridade por meio da organização.

Entre os tons de rosas e roxos estão os símbolos que representam as muitas instituições de caridade que foram ajudadas pelo fundo.

Mas agora, pouco mais de três meses depois, a aeronave voltou à monotonia branca. O flagra foi publicado por Katie Bailey, que fotografa na fábrica da Boeing em Everett.

A aeronave achou um novo dono: é a Biman Bangladesh Airlines, que já opera a versão menor 787-8 Dreamliner e irá receber ainda este mês a primeira unidade do -9.

Sem os adesivos, é possível ver as poucas partes que foram realmente pintadas: a região de junção das asas com a fuselagem do avião, e partes da cauda e dos motores. Ainda não se sabe qual será a matrícula deste Boeing 787 Dreamliner na Biman.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos