Boeing fecha acordo e pagará bilhões para pôr fim a processo criminal sobre o 737 MAX

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

A justiça americana e a Boeing chegaram agora a um acordo sobre o processo criminal envolvendo o caso dos acidentes do 737 MAX.

© Oleg V. Belyakov – CC BY SA

O acordo foi fechado hoje entre o Departamento de Justiça dos EUA e a Boeing Company, que pagará $2,5 bilhões de dólares (R$13,5 bi) em multas.

Parte deste valor das multas será destinado às famílias das 346 vítimas fatais dos acidentes da Lion Air e da Ethiopian Airlines, respectivamente em 2018 e 2019. Uma parte também será destinada às companhias aéreas e à multa para o governo americano.

Nestes acidentes o Boeing 737 MAX foi comandado para baixo após receber informações erradas de um sensor. Os pilotos não estavam cientes da função de correção de atitude que foi introduzida na nova geração do jato, e não conseguiram recuperar a aeronave em tempo hábil.

“Os empregados da Boeing escolheram o caminho do lucro ao invés do da integridade”, afirmou David Burns, assistente do Promotor Geral da divisão criminal do Departamento da Justiça.

O acordo põe fim às acusações criminais de fraude feitas pela promotoria americana, caso a Boeing siga todos os termos acordados.

Segundo a AssociatedPress, do montante total, $234 milhões serão para a multa paga ao governo, $1,77 bilhão em compensação para as companhias aéreas que não conseguiram usar o jato durante a paralisação do modelo e $500 milhões para um fundo para familiares das vítimas.

A Boeing informou que irá tirar $743 milhões dos rendimentos atuais para fazer o pagamento de parte do acordo, mas o restante do montante não teve origem divulgada.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

MInfra treina aeroviários em temas de riscos climáticos e adaptação

0
O Ministério da Infraestrutura (MInfra) promoveu a oficina virtual de “Riscos Climáticos e Adaptação” para o setor aeroviário.