Boeing anuncia 157 aviões entregues no ano de 2020

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 747-8F AirBridgeCargo
Imagem: AirBridgeCargo

A Boeing Company anunciou hoje, 12 de janeiro, suas entregas das divisões de aviação comercial e de defesa para o quarto trimestre de 2020. O impacto tímido do retorno do Boeing 737 MAX e a parada das entregas do Boeing 787 Dreamliner afetaram os números fortemente.

Greg Smith, vice-presidente executivo de Operações Corporativas e diretor financeiro da Boeing Policial disse:

“A retomada das entregas do 737 MAX em dezembro foi um marco importante à medida que fortalecemos a segurança e a qualidade em nossa empresa. Também continuamos as inspeções abrangentes de nossos aviões 787 para garantir que atendam aos nossos mais altos padrões de qualidade antes das entregas”.

Limitamos nossas entregas do 787 no trimestre, pois essas inspeções representam nosso foco em segurança, qualidade e transparência, e estamos confiantes de que estamos tomando as medidas certas para nossos clientes e para a saúde de longo prazo do programa 787″. 

“À medida que continuamos navegando pela pandemia, estamos trabalhando de perto com nossos clientes globais e monitorando a lenta recuperação do tráfego internacional para alinhar o fornecimento com a demanda do mercado em nossos programas widebody. Em 2021, continuaremos tomando as medidas certas para aprimorar nossa cultura de segurança, preservar a liquidez e transformar nossos negócios para o futuro”.

As entregas do quarto trimestre foram as seguintes:

Nota: As informações de entrega não são consideradas finais até que os resultados financeiros trimestrais sejam publicados.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias