Início Indústria Aeronáutica Boeing limpa sua sede em Renton e gera rumores sobre venda do...

Boeing limpa sua sede em Renton e gera rumores sobre venda do complexo

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Depois de noticiarmos aqui no AEROIN que a British Airways estava avaliando vender sua sede em Waterside, em Londres, e colocar todos os colaboradores em sistema de ‘home office’ mesmo após a pandemia (releia clicando aqui), agora é a vez da Boeing.

Boeing COmpany Prédio Administrativo
Imagem ilustrativa – Boeing

Segundo dois colaboradores da fabricante norte-americana, desde fevereiro, todos que trabalham na sede da divisão Commercial Airplanes, que fica em Renton, em Washington, foram instruídos a retirar todos os seus pertences nas próximas semanas.

Tais instruções levantam dúvidas sobre o futuro do complexo da Boeing. O local que abrigava mais de 1.000 colaboradores pode estar sendo colocado à venda pela Boeing.

Em declarações feitas para o The Seattle Times, um dos colaboradores disse:

“Não é preciso ser um cientista espacial para saber onde isso vai dar. Nós esvaziamos. É um reconhecimento de que o futuro trará uma combinação de trabalho virtual e hoteling.”

Um segundo colaborador também relatou que o complexo da Boeing ainda não está à venda, mas que há fortes indícios de que a Boeing está preparando tudo para que o complexo seja colocado nessa condição. Ele diz que todos estão recolhendo tudo e que há uma transição ordenada, de modo que os colaboradores estão de forma organizada e com horários marcados para retiradas de seus pertences, para assim evitar aglomerações.

Além disso, a Boeing, que está com uma dívida de US$ 20 bilhões depois de uma baixa nas vendas de suas novas aeronaves devido à pandemia, está colocando à venda milhares de itens como móveis de escritório, mesas, cadeiras, armários, além de artes e equipamentos de ginástica do complexo em Renton.

Além dos itens anunciados pela própria Boeing em seu site, outros estão sendo vendidos pela Cyberauctions de Tacoma, Washington, empresa responsável por leilões on-line e outros itens com alto valor.

Móveis de escritório disponível para leilão / Imagem: Cyberauctions

Em entrevista ao Puget Sound Business Journal, Jessica Kowal, porta-voz da Boeing Commercial Airplanes, disse após ser questionada sobre os itens que estão sendo leiloados:

“No curso normal dos negócios, a Boeing oferece rotineiramente itens excedentes para leilão; os leilões atuais incluem equipamento excedente à medida que reduzimos nossa infraestrutura e implementamos oportunidades de trabalho flexíveis para nos adaptarmos ao mercado.”

Apesar de todos os indícios de que o complexo da Boeing em Renton estaria sendo preparado para venda, a porta-voz se recusou a comentar o assunto, colocando ainda mais em dúvida o futuro dos prédios. A empresa ainda colocou 310 acres de terreno baldio à venda perto de sua instalação de fabricação em Frederickson, Pierce County, em Washington.

Leia mais: