Crise traz o bonito Boeing 777 cargueiro da FedEx ao Brasil neste mês

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 777F FedEx
Boeing 777F – Imagem: ERIC SALARD [CC]

Em mais uma agradável surpresa reservada pela situação incomum da aviação em decorrência da crise advinda da pandemia de Covid-19, a alta demanda de transporte de cargas trará ao Brasil a rara visita de um Boeing 777F nas cores da norte-americana Federal Express, a famosa FedEx.

A companhia já é conhecida há décadas aqui no país por seus voos regulares pousando e decolando do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas/SP. Porém, os voos antes feitos com o clássico MD-11F foram substituídos há alguns anos pelo Boeing 767-300F, enquanto o grande bimotor 777F vem sendo empregado pela FedEx apenas em grandes aeroportos, levando cargas volumosas entre os principais hubs da empresa.

Agora, no entanto, o incomum aquecimento da demanda por transporte de cargas tem feito com que a empresa aérea volte a empregar aviões cargueiros maiores do que o 767 nos voos para Viracopos. Algumas semanas atrás, alguns voos extras trouxeram de volta o MD-11F a Campinas, e neste mês de julho será a vez do 777F da companhia dar as caras por aqui.

Segundo programação já aprovada pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o cargueiro fará voos nas datas e horários listados a seguir (sujeitos a alterações até a data de sua realização):

Voo 9799 – De Memphis para Viracopos

  • Dias 18 e 25 de julho
    • Pouso às 16:20
  • Dias 19 e 26 de julho
    • Pouso às 16:45
  • Dias 16, 17, 20, 21, 22, 23, 24, 27, 28 e 29 de julho
    • Pouso às 17:00

Voo 9745 – De Viracopos para Memphis

  • Dias 18 e 25 de julho
    • Decolagem às 18:20
  • Dias 19 e 26 de julho
    • Decolagem às 18:45
  • Dias 16, 17, 20, 21, 22, 23, 24, 27, 28 e 29 de julho
    • Decolagem às 19:00

Apesar destes voos especiais da FedEx, não é difícil de se ver voos de mais algumas companhias com os belos Boeings 777F em Viracopos, como Korean Air Cargo, Emirates Sky Cargo, Turkish Cargo, Qatar Cargo e, de forma bastante rara, Lufthansa Cargo.

No passado, a LAN Cargo também efetuava voos frequentes com o modelo em Campinas, até se desfazer por completo de suas 4 unidades entre 2015 e 2016, e concentrar suas operações apenas com o 767-300F.

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduado em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Motor PW1100 Pratt & Whitney A320neo

Essas são as propostas da WWF para mudar a aviação contra...

0
A WWF apresentou ao Congresso norte-americano uma série de sugestões para ajudar a aviação a ser ecologicamente sustentável sem se tornar inviável.