British Airways se prepara para cortar 12.000 postos de trabalho

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

Companhia de bandeira do Reino Unido, a British Airways poderá dispensar até 12.000 funcionários por conta da crise no setor aéreo causada pelo coronavírus.

Avião Airbus A320 British Airways

O International Airlines Group (IAG), holding que controla a companhia, alertou que “o retorno do transporte de passageiros ao nível de 2019 levará alguns anos” e anunciou planos para cortar milhares de postos de trabalho, segundo o Financial Times.

Para o IAG é necessário estabelecer um “programa de reestruturação e demissões” até a demanda para viagens aéreas retornar aos níveis de 2019, conforme divulgado pela BBC.  

“As propostas continuam sujeitas a consulta, mas é provável que a maior parte dos funcionários da British seja afetada, o que pode resultar na demissão de até 12.000 pessoas”, declarou o IAG, que também controla a espanhola Ibéria e a irlandesa Aer Lingus.

Em uma carta para o staff da British, seu CEO Alex Cruz declarou que as perspectivas para o setor da aviação pioraram ainda mais nas últimas semanas, e que uma ação imediata deve ser tomada.

De acordo com a BBC, na carta Alex Cruz também comenta: “devemos superar essa crise. Não há nenhuma ajuda financeira do Governo aguardando a BA e não podemos esperar que os contribuintes arquem com os salários indefinidamente. Veremos algumas companhias aéreas saírem do mercado”.

O sindicato dos pilotos britânicos de linhas aéreas, a British Airline Pilots’ Association (BALPA), declarou estar “desolado” e promete lutar por cada vaga de trabalho cortada.

A British, conforme informado pela BBC, possui cerca de 4.500 pilotos e 16.000 tripulantes de cabine. Cerca de 23.000 funcionários da Empresa já foram colocados em licença.

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

Rodnei Diniz
Engenheiro aeronáutico e mecânico, atuante em gestão de manutenção aeronáutica, aviação geral, executiva e comercial. Atento aos detalhes, gosta de ler e escrever sobre a história da aviação.

Veja outras histórias