British faz bagunça com emails de cancelamento de voos não cancelados

A British Airways se desculpou com seus clientes depois que diversos passageiros foram erroneamente informados de que seus voos haviam sido cancelados.

Avião Boeing 747 British Airways

A confusão ocorreu depois de um anúncio de que os pilotos iriam fazer greve em três datas no mês de setembro, nos dias 9, 10 e 27.

Alguns passageiros – o número exato ainda não foi confirmado – foram indevidamente informados de que seu voo seria cancelado e aconselhados a remarcar.

Um porta-voz da companhia disse: “Lamentamos que alguns clientes tenham recebido um e-mail por engano para dizer que o voo deles foi cancelado em dias sem greve. Estamos entrando em contato com todos esses clientes para esclarecer que o voo deles será realizado conforme planejado. Lamentamos qualquer confusão e inconveniência que isso tenha causado”.

Ele disse que qualquer pessoa que tenha gastado dinheiro devido ao engano deve entrar em contato com a British Airways, que lidará com cada caso individualmente.

As linhas de atendimento ao cliente da companhia aérea estavam lotadas no sábado (24) de manhã, depois que os passageiros que fizeram a reserva em voos receberam os e-mails durante a noite de sexta para sábado, alertando que “um grande número de atrasos e cancelamentos” era provável durante a ação.

A Associação Britânica de Pilotos de Aviação disse que mais datas de greve ainda podem ser anunciadas, acrescentando que elas foram “um último recurso e com enorme frustração na forma como o negócio agora está sendo executado” em relação ao pedido de aumento salarial da categoria.

Informações pelo The Guardian.

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.