Câmeras no Boeing 747 captam belas cenas do Jumbo liberando foguete rumo ao espaço

Bonita cena do vídeo que você vê logo abaixo nesta matéria

Na data de ontem, 30 de junho, pudemos acompanhar ao vivo a missão na qual um Boeing 747 liberou um foguete que levou rumo ao espaço uma carga de satélites que entraram em órbita no planeta Terra.

Este foi o segundo lançamento comercial do projeto da empresa Virgin Orbit com o Boeing 747-400 nomeado de Cosmic Girl, adaptado para levar sob sua asa esquerda o foguete LauncherOne.

Imagem: Virgin Orbit

E após o sucesso dessa missão, a Virgin publicou um rápido vídeo com uma compilação de alguns momentos do lançamento, mostrando belas cenas gravadas a partir de câmeras fixadas no avião Jumbo.

Como você vê no vídeo alguns parágrafos abaixo, as duas primeiras cenas, feitas por dois ângulos diferentes, apresentam o momento exato em que o foguete foi liberado do Boeing 747. Conforme foi possível acompanhar na telemetria em tempo real, o avião mantinha 31.500 pés (9.600 metros) de altitude até iniciar o levantamento de nariz para o lançamento.

Depois, a próxima cena já mostra o foguete distante abaixo do Jumbo, pois, na manobra de liberação, nos instantes em que o foguete cai até acionar sua propulsão, o avião faz uma curva em subida para se afastar e se manter em distância de segurança.

Por fim, na última cena, enquanto o Jumbo ainda faz sua curva pós-lançamento, é possível ver à distância o foguete já ganhando altitude e rumando para o espaço. Veja no vídeo a seguir todos os detalhes acima descritos (caso o vídeo não carregue em seu dispositivo, clique aqui para ver diretamente no Twitter).

Sem dúvida, bonitas imagens de se admirar, e que mostram a capacidade criativa da equipe que desenvolveu e tornou realidade o projeto, que resulta em uma redução no custo do envio de satélites ao espaço, uma vez que levar o avião até a altitude de liberação é muito mais barato do que o gasto de combustível do foguete para chegar até esta posição partindo do solo.

Caso você não tenha acompanhado ou quira rever toda a missão, desde a decolagem do Jumbo até a subida do foguete ao espaço, clique aqui para acessar.

Vale lembrar que existe grande possibilidade deste Boeing 747 vir ao Brasil efetuar lançamentos em um futuro breve, pois a Virgin Orbit foi uma das candidatas selecionadas pelo Brasil para utilizar o Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão, conforme você pode relembrar em detalhes clicando aqui ou no título logo abaixo.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias