Carrinho de bagagens colide com Boeing 777 da Latam em Guarulhos

Aparentemente, as barbeiragens de aeroporto não são uma exclusividade da Turquia ou da Índia. Vejam por exemplo essas imagens que um leitor, que pediu para permanecer anônimo, nos enviou.

Funcionários registraram o momento pós-impacto

As imagens mostram o resultado de uma colisão de um carrinho de bagagens da operadora de solo Orbital, em um Boeing 777 da Latam que estava estacionado no pátio de Guarulhos. Alguns milhares de dólares devem resolver esse problema, mas ficamos pensando mesmo é no operador do carrinho, e sentimos muito, afinal ninguém vai para o trabalho pensando no que vai destruir hoje.

Fato é que a aeronave certamente não voou mais nesse dia e embora não tenhamos a informação da data exata do incidente, é provável que ele tenha acontecido no último domingo, dia 13 de outubro, como você vai ver abaixo.

Carrinho ficou destruído

Quem é a Orbital?

Segundo sua página no LinkedIn, a Orbital está presente nos principais aeroportos brasileiros, e é líder no mercado de prestação de serviços aeroportuários. Fundada em 2002, a empresa diz que é reconhecida pela garantia do alto padrão de atendimento e soluções diferenciadas para seus clientes. Um desses clientes no GRU Airport é a própria Latam.

Com todo o cuidado que se possa ter e por mais “sigmas” que se coloquem num processo, acidentes ainda podem acontecer, não é mesmo? Pelo menos é o que as imagens mostram.

Nacele do motor danificada pelo impacto

O que as fotos mostram?

Nelas, observa-se que a pancada foi bem forte. Ao que se nota, algo grave aconteceu, por que o carrinho bateu de frente com a aeronave e ficou todo amassado, inclusive o vidro do teto quebrou totalmente.

Aparentemente, carrinho foi de encontro com o motor número 2 (motor direito) a ponto de amassar a boca da nacele, e seguiu seu caminho para baixo da aeronave, resultando em arranhões substanciais na barriga do triplo-7.

Embora talvez não haja vínculo com incidente, o estado em que está o carrinho de bagagens mostrado nas fotos nos chamou bastante a atenção. Ele parece um tanto antigo ou, no mínimo, bem mal cuidado.

Barriga ralada

Tentando descobrir o Boeing 777 danificado

Ficamos muito curiosos para tentar identificar qual foi o Boeing que acabou machucado no incidente, então tivemos a ideia de investigar a frota da Latam, bem como as pinturas, dias e horários de voos.

Considerando que esse tipo de dano faz com que a aeronave fique uns dias no chão até ser reparada, tudo nos leva a pensar que a aeronave em questão seja o PT-MUE. Essa conclusão foi possível após analisar os seguintes dados:

  • A Latam tem 10 Boeing 777, sendo que:
    • PT-MUA está na pintura do Star Wars
    • PT-MUB e MUC estão em Abu Dhabi fazendo retrofit
    • PT-MUD, MUI, MUJ, estão na pintura nova
    • PT-MUF, MUG, MUH estão na pintura antiga, mas voando todos os dias, segundo aponta o Flightradar24.
    • Sobrou o PT-MUE, parado desde o dia 13 de outubro. Imaginamos que seja ele.
Histórico de voos do PT-MUE

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.