Carteira de pedidos da Embraer atinge USD 15,9 bilhões, de volta ao nível pré-Covid

E195-E2 – Imagem: Embraer

A Embraer anuncia hoje, 21 de julho, que entregou um total de 34 jatos no segundo trimestre de 2021 (2T21), sendo 14 comerciais e 20 executivos (doze leves e oito grandes).

Os valores representam uma melhora sobre o trimestre anterior (1T21), quando as entregas haviam sido de 22 aviões, sendo 9 comerciais e 13 executivos (dez leves e três grandes), o que totaliza 23 comerciais e 33 executivos (vinte e dois leves e onze grande) no acumulado do primeiro semestre de 2021.

Quanto às aeronaves encomendadas, em 30 de junho de 2021 a carteira de pedidos firmes (backlog) totalizava USD 15,9 bilhões, o que significa um aumento de 12% em relação à do primeiro trimestre, representando um retorno aos níveis pré-pandemia.

Os pedidos firmes a serem entregues incluem 141 aviões E175 e 3 E190 da geração E1, e mais 5 E190 e 157 E195 da geração E2, totalizando 306 unidades.

A atual carteira de pedidos firmes (backlog) inclui o contrato de 30 aeronaves E195-E2 da Porter Airlines, do Canadá, que foi inicialmente informado como um cliente “não divulgado” em 29 de abril, sendo revelado ao mercado em 12 de julho.

Destaques do trimestre

Durante o 2T21, a companhia aérea Helvetic Airways, da Suíça, recebeu a primeira de quatro novas aeronaves E195-E2. A Helvetic encomendou 12 E-Jets E2 para iniciar a renovação de frota: oito aeronaves E190-E2 (já em serviço) e quatro E195-E2 (conversões do pedido original de E190-E2), além de direitos de compra para mais 12 aeronaves adicionais.

Na aviação executiva, durante o trimestre, a Embraer entregou o 600º jato executivo Phenom 300 para a Superior Capital Holdings, LLC, com sede em Fayetteville, Arkansas, Estados Unidos. A Embraer também entregou a primeira aeronave Phenom 300E da edição limitada Duet, desenvolvida em colaboração com a Porsche, a um cliente não divulgado em Fort Lauderdale, na Flórida.

A Embraer realizou a primeira conversão de um jato Legacy 450 em um Praetor 500 no Brasil. A aeronave foi entregue para um cliente não divulgado. A conversão foi efetuada no Centro de Serviços próprio da Embraer em Sorocaba, no interior de São Paulo.

Com a entrega, a Embraer já converteu um total de 20 jatos Legacy 450 em Praetor 500 na Europa, na América do Norte e no Brasil. Todo o processo de conversão é realizado nos Centros de Serviços próprios da Embraer.

Informações da Embraer

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Gol recebe um novo avião Boeing 737 MAX, programa os próximos...

0
Nas últimas semanas (e nas próximas), a frota da Gol Linhas Aéreas seguirá em movimentação. Enquanto novas aeronaves Boeing 737 MAX 8