Casal de viajantes esquece bebê de uma semana no restaurante do aeroporto

Arquivo: Marinha dos EUA 110322-N-AE328-009 Companheiro Chefe da Aviação Contratante (Combustível) Brian Faulkinbury observa uma criança militar recém-nascida enquanto sua mãe espera por the.jpg
Entre malas, multidão e correria, cuidados com crianças devem ser redobrados. IMAGEM: Nathan Lockwood/Wikimedia

Casos de mães e pais que esquecem seus filhos em aeroportos são mais comuns que parecem. Recentemente, uma mulher usou uma rede social para se explicar após esquecer seu bebê em um restaurante no aeroporto.

Sem entrar em detalhes sobre qual aeroporto ocorreu o fato inusitado, uma mulher britânica chamou a atenção ao relatar que deixou o mais jovem dos seus quatro filhos no restaurante de um aeroporto na Inglaterra. O bebê de apenas uma semana foi deixado dormindo no carrinho à mesa onde família jantou.

“Peguei as crianças de dois e quatro anos. Minha filha de seis anos estava segurando a mão da de quatro, como sempre fazemos. Presumi que meu marido iria pegar o carrinho de bebê. Nunca presuma!”, disse a mulher no relato no site Quora.

O esquecimento só foi percebido quando a família atravessou o estacionamento e começou a entrar no carro para voltar para casa. “Foi como se um piano tivesse caído em cima de mim … P*, ele ainda está no restaurante!”, disse ela. “Corri de volta e lá estava ele, ainda dormindo profundamente na mesa perto da parede dos fundos.”

“O casal de idosos que estava sentado do outro lado da sala disse: ‘Sabíamos que você voltaria’ e sorriu. Outro casal me olhou feio. “Quando voltei para o carro, meu marido disse: ‘Desculpe, esqueci que são quatro agora’. Isso é compreensível …”, concluiu ela.

O desabafo da mãe dividiu os internautas. Alguns entenderam que o ocorrido foi um erro lamentável, mas suscetível a qualquer pessoa. Outros acusaram os pais pelo descuido.

Olho aberto

O caso lembrou que, por mais que os pais atentem a seus filhos, casos assim não são excepcionais. Em março de 2019, uma aeronave em voo entre Jeddah, na Arábia Saudita, e Kuala Lumpur, na Malásia, teve que retornar ao aeroporto de origem após uma mãe perceber que esquecera seu filho no aeroporto. O bebê havia sido deixado no carrinho na sala de embarque. Ao resgatar a criança, o voo pôde prosseguir.

Alguns meses antes, um casal alemão deixou sua filha de 5 anos em um aeroporto depois de voltar de uma viagem de férias. Em entrevista à rede de TV Fox News, a mãe disse à polícia que ela e o marido dirigiram para casa em carros separados e que cada um acreditava que a criança estava com o outro. A criança foi achada por funcionários ao pedir ajuda.

Em 2008, um casal israelense que estava em férias na Europa esqueceu sua filha de 3 anos no aeroporto. Os dois adultos e os cinco filhos estavam atrasados ​​para um voo rumo a Paris e correram para o portão. Na confusão, sua filha se perdeu. A ausência da menina só foi percebida a bordo da aeronave, após 40 minutos de voo. Nesse caso, o piloto não retornou. Acompanhada de um funcionário da companhia aérea, a menina embarcou em um voo seguinte.

No mesmo aeroporto em Israel, em outra situação, um menino de oito anos se separou dos pais e embarcou em voo para Bruxelas, na Bélgica, em vez de Munique, na Alemanha, o destino correto. Duas semanas antes, um menino de 10 anos foi deixado para trás no terminal quando o resto de seu grupo voou para Copenhagen, na Dinamarca.

Casos assim servem de alerta para que pais e responsáveis por crianças em aeroportos fiquem muito atentos durante todo o período da viagem. Como aeroportos são locais muito movimentados, qualquer distração pode resultar em sustos enormes.

Fabio Farias
Jornalista e curioso por natureza. Passou um terço da vida entre aeroportos e aviões. Segue a aviação e é seguido por ela.

Veja outras histórias

Emirates serve menu bávaro em voos para seus quatro destinos na...

0
A Emirates está novamente trazendo tradições culinárias e festivas regionais para bordo de seus voos. Desta vez, os passageiros que voam