CEO da Avianca: “Senhores, a Avianca está quebrada”

O antigo dono da TACA e hoje CEO da Avianca Holdings (Colômbia), Roberto Kriete, foi enfático ao dizer para empregados sobre a situação da companhia: “está quebrada”.

Apesar das palavras fortes e claras, o CEO destaca o que já falamos aqui anteriormente: a companhia não está pagando lessores e credores, está tentando renegociar dívidas e ganhar tempo.

Ainda segundo Kriete, que hoje detém 14% da aérea através da Kingsland, os credores não irão esperar para sempre e a companhia tem um prazo de quatro meses para fazer as mudanças necessárias e colocar a empresa de volta aos trilhos.

Kriete tomou o controle da empresa após a United Airlines tirar Germán Efromovich do conselho da companhia devido a uma dívida. Desde então, a empresa tem passado por um processo interno de recuperação com corte de rotas, cancelamento de encomendas de aviões.

Roberto Kriete “divide” o posto de CEO enquanto Anko van der Werff, ex-KLM, está se integrando na empresa para assumir o cargo.

O alerta vem logo após a empresa admitir possibilidade de falência, cortar voos para Bolívia e investigar corrupção de membros do governo americano envolvendo seu benefício passagem.

Com informações do Colombia Al Aire

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos