CEO da Boeing assume culpa da empresa sobre acidentes do 737 MAX

O CEO da Boeing, Dennis Muilenburg, veio a público hoje falar sobre os acidentes do 737 MAX. Dennis começou como estagiário na Boeing e hoje ocupa o cargo mais alto na companhia.

E hoje foi aberto a comunidade aeronáutica. Afirmando que problemas de leituras errôneas ativaram o MCAS e foram os principais fatores para os acidentes da Lion Air. Veja abaixo o trecho que cita o problema

[…] com a divulgação do relatório preliminar do acidente da Ethiopian, é aparente que em ambos os voos (incluindo o da Lion Air) o sistema MCAS foi ativado em resposta a informação errada do sensor de ângulo de ataque.

A história da nossa indústria mostra que maioria dos acidentes são causados por uma série de eventos. É novamente o caso, e sabemos que podemos quebrar esta série de eventos nos dois acidentes. Como pilotos disseram para nós, a ativação errônea do MCAS pode adicionar mais carga de trabalho, que já é alta. É nossa responsabilidade para eliminar esse risco. Nós temos a solução e iremos fazer.

Dennis Muilenburg, CEO da Boeing

Ao longo do vídeo o CEO afirma que a Boeing tem trabalhado sem descanso para trazer uma atualização no sistema. Esta atualização foi feita em conjunto com pilotos, operadores e a FAA, a agência regulatória da aviação americana.

Segundo Dennis, com essa atualização do software somado a um treinamento adicional com novos materiais educacionais requisitados pelos pilotos, irá eliminar a possibilidade da ativação errônea não-intencional do MCAS e prever que um acidente relacionado ao MCAS aconteça novamente.

Um prazo não foi dado para a atualização do software. Mas a indústria estima que possa demorar até maio, entre finalizar a atualização, homologa-lá junto à FAA e agências reguladoras estrangeiras, atualizar os aviões e testa-lós antes da liberação para o voo.

A transcrição completa do vídeo em inglês está disponível neste link.

Pela Assessoria de Imprensa da Boeing

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagens pela Avianca Brasil e Azul Linhas Aéreas. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias