CEO da JetBlue acredita na obrigatoriedade da vacina para poder voar

Após o CEO da Qantas falar da obrigatoriedade da vacina para o embarque em voos internacionais, o executivo-chefe da JetBlue aponta para um caminho similar.

A frase de Alan Joyce, da Qantas, repercurtiu em toda a indústria, já que foi o primeiro líder de companhia aérea a falar de planos concretos para exigir a vacinação de todos seus passageiros, ao menos em voos internacionais.

Em entrevista ao portal Routes Online durante a conferência Routes Reconnected, Robin Hayes, CEO da JetBlue, falou da vacina como uma maneira de vencer a barreira que impede a viagem no mundo de hoje.

A indústria (aeronáutica) está fazendo um ótimo papel em promover a segurança de voar. É realmente mais seguro que qualquer outra coisa que você decida fazer na vida. Eu acho que o mundo irá evoluir para uma vacina, que será requerida a prova da sua vacinação, ou um teste negativo para o Coronavírus dentro de um período de tempo, ou um teste rápido no aeroporto“, afirma o CEO.

Ele cita o Passaporte da Saúde, ao qual a JetBlue aderiu junto com a Lufthansa, Swiss, United e Virgin Atlantic, e que será requerido de seus passageiros nos voos futuros.

O Passaporte Saúde ou algo similar é definitivamente algo obrigatório nas viagens internacionais. É confuso porque governos e países diferentes estão fazendo coisas diferentes, espero que nos próximos seis ou sete meses possamos adotar um padrão unificado em que todos possamos trabalhar“, conclui o CEO.

A JetBlue é uma das companhias aéreas de baixo-custo líder nos EUA, foi fundada pelo brasileiro David Neeleman e deu a base para a criação da Azul Linhas Aéreas, considerada sua “empresa aérea irmã”.

Nenhuma empresa brasileira aderiu ao Passaporte de Saúde até o momento.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias