Com cheiro de queimado a bordo, piloto de Embraer 195 declara ‘Pan Pan’ na chegada a Confins

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Embraer E195 Azul Linhas Aéreas
Embraer 195

Um incidente relacionado a fumaça a bordo foi registrado no último final de semana a bordo de um Embraer 195, levando os pilotos a optarem pelo pouso em condição de urgência.

As informações constam no banco de dados do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA), que indica que a aeronave envolvida foi o E195 registrado sob a matrícula PR-AUF, operado pela Azul Linhas Aéreas, quando voava no domingo, 28 de fevereiro, entre o Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, e o Tancredo Neves, em Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Dados da plataforma de estreamento FlightRadar24 mostram que o voo em questão foi o AD-4097, que partiu do Rio às 14:31 e chegou ao destino às 15:32 (horários de Brasília).

O E195 descendo em direção a Confins no dia 28 – Imagem: FlightRadar24

Segundo o CENIPA, o voo regular levava 94 passageiros e 5 tripulantes, e o incidente ocorreu durante a fase de início de descida, quando a aeronave apresentou indício leve de fumaça, definido como “Smell Smoke in Cabin” (cheiro de fumaça na cabine), oriundo do sistema de ar condicionado, incluindo problema no funcionamento da Pack (Pressurization Air Conditioning Kit) número 2.

Os pilotos efetuaram os procedimentos descritos no QRH (manual de referência rápida da aeronave) relacionados ao problema apresentado, e decidiram declarar “Pan Pan” ao controle de tráfego aéreo, indicando uma situação de urgência, ou seja, que não representava risco iminente às pessoas ou à aeronave, mas necessitava de atenção especial até a conclusão do voo.

A continuidade da descida e da aproximação foi efetuada sem intercorrências, e o pouso foi concluído com segurança em Confins.

O registro do FlightRadar24 mostra que o Embraer 195 permaneceu em solo mineiro até ontem, terça-feira, 2 de fevereiro, quando então partiu no voo AD-9801 com destino ao aeroporto de Viracopos, em Campinas, e, poucas horas depois, assumiu um voo regular para Porto Alegre.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Com debandada de pilotos, Atlas Air deverá abrir vagas para brasileiros

0
A falta de pilotos na Atlas Air atingiu um pico histórico, e a agora a aérea abrirá vagas para estrangeiros, inclusive brasileiros.