Chile é o primeiro país sul-americano a aceitar o passe digital de saúde de passageiros

Foto de Phillip Capper CC BY 2.0 via Wikimedia Commons

Os clientes da American Airlines que viajam para o Chile serão os primeiros na América do Sul a ter acesso ao LetsGetChecked, uma opção de teste COVID-19 feito convenientemente em casa. Além disso, a American Airlines está oferecendo a seus clientes acesso ao VeriFLY, um novo aplicativo digital desenvolvido para ajudar os viajantes a confirmar a documentação necessária relacionada ao coronavírus (COVID-19) e permitir que eles armazenem e exibam digitalmente os resultados dos testes com segurança.

Segundo o Aviacionline, na prática, essas duas ações combinadas significam que o Chile passa a ser o primeiro país da América do Sul e Latina a aceitar passageiros portando um “passaporte de saúde”.

Desde que a American anunciou seu programa de testes COVID-19 em outubro, a companhia aérea continuou a expandir sua parceria com a LetsGetChecked para realizar testes de PCR em casa, agora disponível para todos os voos de companhias aéreas para Belize, Granada, Santa Lúcia e Havaí, e começando no próximo mês em direção ao Chile e às Ilhas Virgens dos Estados Unidos.

“À medida que continuamos a retomar nossas operações na América Latina e no
Caribe, temos procurado maneiras de simplificar a experiência de viagem de nossos
clientes. Nosso programa de teste de coronavírus e nosso aplicativo digital são
ferramentas essenciais que ajudarão nossos clientes a voltar aos céus
”, disse
Juan Carlos Liscano, Vice-Presidente de Operações para Miami, Caribe e
América Latina. 

A American é a principal companhia aérea dos EUA na região e temos o
compromisso de ajudar a reiniciar as viagens e o turismo nos países onde
operamos
“, concluiu.

Aplicativo

American anunciou recentemente uma parceria com a VeriFLY , uma nova solução de passaporte digital. Este aplicativo foi projetado para ajudar os viajantes a confirmar os requisitos relacionados ao COVID-19 em seus destinos e facilitar a experiência de check-in no aeroporto por meio de verificação digital.

A partir de 3 de dezembro, os clientes que viajam entre o Aeroporto Internacional de Miami e o Aeroporto Internacional Comodoro Arturo Merino Benítez terão a oportunidade de experimentar o novo aplicativo gratuitamente criando um perfil e confirmando seus dados.

Por meio da parceria da American com a LetsGetChecked, clientes que viajam ao Chile terão acesso a testes de PCR em casa com a observação de um profissional médico por meio de visita virtual e com os resultados disponível em 48 horas. Para entrar no Chile é necessário apresentar resultado negativo de um teste de PCR feito 72 horas antes do embarque.

Requisitos para estrangeiros não residentes que entram no Chile

• PCR negativo feito 72 horas antes do embarque. Nos voos com escala, é considerado desde o último embarque.

• Preencha o formulário “Declaração de viajantes” eletronicamente e até 48 horas antes do embarque em www.c19.cl

• Seguro saúde que cobre os benefícios associados ao COVID-19 durante a sua estadia, com uma cobertura mínima de $ 30.000

• Formulário acompanhamento autorreferido por 14 dias a partir da entrada no país, via e-mail.

Mais informações em https://chile.travel/planviajarachile

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias