Início Aeroportos China inaugura o mega aeroporto cuja primeira fase custou $11 bilhões de...

China inaugura o mega aeroporto cuja primeira fase custou $11 bilhões de dólares

A China inaugurou no domingo (27), mais um gigante da engenharia. Com um voo da Sichuan Airlines, foi dada a largada nas operações do mega aeroporto internacional de Tianfu, em Chengdu, capital da Província de Sichuan.

Localizado a cerca de 50 km do centro de Chengdu, esse é o maior aeroporto de transporte civil construído durante o período do 13º Plano Quinquenal da China (2016-2020) e o segundo aeroporto internacional da capital provincial, Chengdu, informou a agência de notícias estatal Xinhua.

Com o investimento da primeira fase superior a US$ 11,7 bilhões, o aeroporto tem dois terminais totalizando 710.000 metros quadrados, aproximadamente do tamanho de 100 campos de futebol, e é capaz de lidar com um volume anual de passageiros de 60 milhões. De acordo com os planos de longo prazo, o aeroporto eventualmente abrigará terminais que totalizam 1,4 milhão de metros quadrados, capazes de movimentar 120 milhões de passageiros.

A abertura do aeroporto poderá ajudar Chengdu a se tornar um centro de transporte internacional integrado que liga a China à Europa, Oriente Médio, Ásia Central e Sudeste Asiático.

Embarque do voo inaugural

Em 1 de junho de 2015, o Grupo do Aeroporto Provincial de Sichuan anunciou um esquema geral de projeto para o aeroporto. O projeto vencedor foi do Instituto de Pesquisa e Projeto Arquitetônico do Sudoeste da China, da China Airport Construction Group Corporation e do escritório de arquitetura francês ADP Ingenierie. Ele apresenta dois edifícios terminais no formato do mítico pássaro Sunbird, usado como logotipo da cidade de Chengdu. 

De um núcleo circular central, 6 braços irradiam para fora com ambos os terminais espelhando um ao outro. A intenção é que Chengdu se torne o terceiro maior hub da China, depois de Pequim e Xangai. Por dentro, será um aeroporto altamente tecnológico, que contará com múltiplas atrações, além de servir ao seu papel principal, que é servir como centro de conexões.

Imagem: Google Maps
Sair da versão mobile