Coiote é caçado a tiros de espingarda em plena pista do aeroporto da fábrica da Boeing

Uma cena curiosa, e que representa bem um pouco do que acontece nos bastidores de um grande aeroporto da costa oeste americana, foi compartilhada pelo fotógrafo Matt Cawby em seu perfil no Twitter (abaixo, espere carregar).

As cenas mostram o momento em que policiais do aeroporto Paine Field, onde está localizada uma das fábricas da Boeing, apontam uma espingarda na direção de um coiote, enquanto ele corre na pista. Na sequência de imagens, é possível ver a caminhonete se aproximando e recolhendo o animal, já sem vida.

A invasão de animais selvagens, como um coiote, em sítios aeroportuários, pode resultar em impactos com aeronaves, colocando em risco a segurança de um voo, ou até mesmo em ataques aos trabalhadores dos aeroportos. Também são animais rápidos, ariscos e difíceis de serem capturados, o que deve ter levado à ordem de abatê-lo ali mesmo, em plena pista de pousos e decolagens.

O coiote (canis latrans) é uma espécie de canino nativa da América do Norte. É menor que o lobo e versátil, capaz de se adaptar e se expandir em ambientes modificados pelo homem. Com o passar do tempo, ele vem ampliando seu alcance movendo-se para áreas urbanas no leste dos EUA.

A grande preocupação é que o coiote ataca animais domésticos e pode atacar seres humanos, se sentir-se ameaçado, vindo a ser considerado a uma praga em algumas localidades do oeste americano. Há cidades que colocam placas nas ruas, indicado o que se deve fazer caso se depare com um coiote.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Maior cliente do Boeing 737 MAX diz que só volta a...

0
Na medida em que o Boeing 737 MAX é liberado pelas agências reguladoras ao redor do mundo, as empresas aéreas traçam planos para seu retorno