Com Biden presidente, pedem Sully para a cadeira de chefe da FAA

Após a posse de Joe Biden, marcada para o próximo dia 20 de janeiro, mudanças devem ocorrer no Departamento de Transporte nos próximos anos. Apoiadores e autores já pedem mudanças e recomendam o Comandante Sully, o “herói do Rio Hudson” na cadeira de chefe da Administração Federal de Aviação (FAA).

Joe Biden e Sully Sullenberger durante evento da pré-campanha © Gage Skidmore

Dois colunistas do jornal San Francisco Chronicle iniciaram um apelo pela mudança na FAA, alegando que o órgão já está desgastado e que precisa de renovação. Como alternativa, os autores apontam Sully como o substituto ideal de Steve Dickson, que atualmente tem a cadeira de chefe do órgão federal que regula a aviação civil no maior mercado de aviação do mundo.

A indicação de Sully por parte dos autores acontece não apenas por sua experiência, mas também por seu alinhamento político com Biden, já que ele é um apoiador de longa data de Biden e, inclusive, esteve presente na pré-campanha do candidato, ainda nas primárias. Ao mesmo tempo, ele é um crítico do Boeing 737 MAX e pediu que mais mudanças fossem feitas antes do jato ser liberado novamente.

No entanto, uma mudança não deve ocorrer tão cedo. O mandato de Steve Dickson vai até 2024, e embora Biden possa fazer a troca assim que assumir a posição de liderança do país, trocar o administrador-chefe da FAA dessa maneira não é algo comum.

Outra mudança que vai ocorrer no Departamento de Transportes, ao qual a FAA é vinculada, será a entrada de Pete Buttigieg, prefeito de uma pequena cidade em Indiana, e que foi escolhido por Biden para o ocupar o cargo máximo do ministério, mesmo sem experiência na área. Mas tal cargo ficará vago por 13 dias, já que Elaine Chao, ex-Ministra dos Transportes, renunciou em meio ao caos político gerado pela invasão do capitólio.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

É a vez do Rio de Janeiro receber a especial visita...

0
Chegou a hora do RIOgaleão, receber uma nova visita especial do segundo maior avião civil de carga do mundo, o Antonov AN-124 Ruslan.