Com desenho no radar, SAS aposenta o Boeing 737-600 em voo especial

A companhia aérea SAS – Scandinavian Airlines System – despediu-se de seu último Boeing 737-600 em um voo especial no último final de semana, quando visitou cada país em que possui hub de operações e fez um desenho no radar.

Avião Boeing 737-600 SAS
Boeing 737-600 da SAS – Imagem: Bene Riobó [CC]

A SAS está no meio de uma transformação de frota, tendo recebido seu primeiro Airbus A350 também neste fim de semana, enquanto marcou o fim de uma era, despedindo-se do Boeing 737-600.

Avião Airbus A350 SAS
Primeiro Airbus A350 da SAS

No entanto, ao invés de remover silenciosamente o modelo de aeronave, a companhia aérea operou um voo especial para marcar os 21 anos de serviço do 737-600, com direito a desenho no radar.

A operação especial

A operação de aposentadoria da SAS viu o Boeing 737-600 realizar um voo especial cruzando os três países da península escandinava.

Flight Radar 24 Voo SK600 SAS aposentadoria 737-600
Voo especial da aposentadoria do 737-600 da SAS – Imagem: FlightRadar24

A aeronave decolou às 13:49, horário local, do Aeroporto Arlanda de Estocolmo, na Suécia. Um vídeo de decolagem foi divulgado por um passageiro, conforme você pode ver abaixo.

Após a saída, subiu então para 32.000 pés em direção a Copenhague, na Dinamarca. Lá, desceu para uma passagem baixa sobre o aeroporto por volta das 14:40, 50 minutos depois de partir de Estocolmo.

Após a passagem baixa em Copenhague, a aeronave começou a subir novamente até atingir 29.000 pés. Por volta das 15:04, a aeronave começou a desenhar um 600 no céu, levando cerca de 23 minutos para completar o padrão.

Flight Radar 24 Voo SK600 SAS aposentadoria 737-600 desenho
O Boeing 737-600 desenhando no radar – Imagem: FlightRadar24

Depois que a aeronave completou o desenho, continuou até o seu destino, Oslo, na Noruega, onde pousou às 15:57, em um tempo total de voo de pouco mais de duas horas.

Para completar as festividades, a rota foi operada sob o número de voo SK600. Uma digna despedida para o Boeing 737-600.

Quem também desenhou recentemente nos céus ao aposentar uma aeronave foi a israelense El Al, que fez um enorme Boeing 747 na despedida do Jumbo de sua frota. Confira o desenho na matéria a seguir:

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.